Conteúdo

Zverev sofre grave lesão, não consegue continuar e Nadal está na final de Roland Garros

3 de junho de 2022

(por Mattheus Prudente)

De maneira triste terminou a primeira semifinal masculina de Roland Garros realizada nesta sexta-feira (5). Durante um jogaço entre Rafael Nadal e Alexander Zverev, o tenista alemão acabou sofrendo uma lesão grave no tornozelo, forçando a sua retirada do jogo e dando a vaga na final do aberto da França para Nadal, que espera o vencedor da partida entre Marin Cilic e Casper Ruud para saber seu adversário na decisão. 

O jogo começou com Zverev acertando tudo, sendo muito seguro durante os primeiros games e já abrindo uma quebra de vantagem. Nadal, do outro lado, começou muito errático, mas foi encontrando o seu jogo durante o set, forçando alguns erros importantes de Sascha, que perdeu chances de aumentar a sua vantagem com alguns erros. 

Com os dois jogando em um nível muito parecido durante o set inteiro, a primeira parcial foi para o tiebreak. Zverev começou melhor, e logo abriu uma grande vantagem, tendo quatro set points à sua disposição. No entanto, Nadal se recuperou de forma sensacional, salvando os set points e fechando em 7/6 pouco depois, abrindo uma vantagem de 1 a 0 no jogo. 

Os erros voltaram a aparecer no segundo set para ambos os lados, e eles logo se viram em uma situação em que ninguém conseguia confirmar o seu game de saque. Com isso, a partida foi caminhando para um dramático tiebreak, até que Zverev conseguiu uma boa vantagem, podendo sacar para fechar o set. 

O alemão, porém, acabou sendo quebrado mais uma vez no seu game de saque, marcando, assim, a oitava quebra do set para ambos os lados. Indo para o tiebreak, tentando salvar uma bola na paralela de Nadal, Zverev acabou virando o pé com bastante violência, indo imediatamente ao chão e gritando de dor. 

Zverev foi levado de cadeira de rodas ao vestiário para ser avaliado, mas o fato de não conseguir apoiar o pé no chão foi um sinal de que a partida não voltaria. De muletas, o alemão retornou para a quadra para cumprimentar o público e os árbitros, encerrando a sua participação em Roland Garros de forma dramática. Nadal, por sua vez, chega à final e mantém vivo o sonho do 14º título. 

FT: Rafael Nadal 1-0 Alexander Zverev (7/6;6/6 - Zverev abandonou o jogo no segundo set)