Conteúdo

(por Layo Lucena e Jefferson Castanheira)

Neste domingo (21), tivemos a semana 11 da NFL, com confrontos entre Minnesota Vikings e Green Bay Packers, Indianapolis Colts e Buffalo Bills, Washington Football Team e Carolina Panthers, dentre outros. Confira os jogos do primeiro horário de domingo da semana 11:
 

Green Bay Packers (8-3) 31 x 34 Minnesota Vikings (5-5)

Daqueles históricos duelos entre dois dos times de maior rivalidade na NFL. Packers e Vikings fizeram uma partidaça, com grandes desempenhos ofensivos para ambos os lados e mais uma partida decidida no detalhe – dessa vez, no field goal de 29 jardas chutado por Greg Joseph.

No duelo entre Rodgers e Cousins, ambos os QBs foram primordiais para suas equipes, sendo Aaron causador de quatro touchdowns dos Packers contra três de Kirk pelos Vikings. Justin Jefferson foi um ativo espetacular para Minnesota mais uma vez, recebendo para 169 jardas e dois touchdowns, se isolando cada vez mais como um dos melhores wide receivers de toda liga.

Os Packers ficaram maior parte do tempo atrás no placar, mas empataram a partida com pouco mais dois minutos para o fim da partida, após um passe espetacular de Aaron Rodgers para Marquez Valdes-Scantling, que resultou no TD do empate. Após uma campanha de 10 jogadas para encerrar o jogo, Cousins colocou Joseph em condição tranquila para anotar o Field Goal da vitória sem sustos.
 

Indianapolis Colts (6-5) 41 x 15 Buffalo Bills (6-4)

Em um dos resultados surpreendentes da rodada, os Colts bateram os Bills em Buffalo. A equipe de Indianápolis assumiu a liderança logo no início da partida e não deixou os Bills virarem.

O nome do jogo, talvez o da semana 11, foi Jonathan Taylor, que terminou a partida com 185 jardas e um total de cinco touchdowns (recorde da franquia). Após o seu desempenho contra os Bills, Taylor assumiu a liderança na NFL tanto em jardas corridas quanto em touchdowns terrestres.
 

Houston Texans (2-8) 22 x 13 Tennessee Titans (8-3)

Você não viu errado. Os Texans venceram o Titans em uma partida que muitos apostaram que seria vitória fácil de Tennessee, mas com uma partida sofrível ofensivamente do time do machucado e saudoso para o torcedor, Derrick Henry, não teve como defender a atuação do ataque dos Titans.

Ryan Tannehill não “riu” por último ao contrário de seu sobrenome, e viu quatro de seus passes virarem interceptações do adversário, em um jogo que mostrou que o QB dos Titans as vezes tem alguns problemas com controle psicológico, lançando bolas desequilibradas e telegrafadas para os defensores dos Texans. Tannehill completou 35/53 (o que sinaliza a falta que Derrick Henry faz nesse elenco) para um TD e quatro INTs.

O QB Tyrod Taylor nem teve excelente partida em seus passes, completando 14 de 24 para 107 jardas, com nenhum TD e nenhuma INT. Mas correndo com a bola, Taylor anotou os dois TDs dos Texans, e viu Ka'imi Fairbairn chutar três FG para fechar o placar.
 

San Francisco 49ers (5-5) 30 x 10 Jacksonville Jaguars (2-8)

Os 49ers conquistaram a sua quinta vitória em 10 partidas, tendo um desempenho dominante contra o Jacksonville Jaguars, em Jacksonville. O domínio foi tanto que a primeira campanha do jogo dos 49ers durou exatos 13 minutos e cinco segundos, sendo a campanha mais longa da NFL desde a temporada de 2000.

O destaque da partida ficou com Jimmy Garoppolo, que lançou para 176 jardas e dois touchdowns, sendo Deebo Samuel o seu principal alvo com oito recepções para 79 jardas e um touchdown. Do outro lado, Trevor Lawrence terminou o confronto com 16 passes certos em 26 tentados e 158 jardas.
 

Washington Football Team (4-6) 27 x 21 Carolina Panthers (5-6)

Vitória do WFT, mesmo sem terem Chase Young para comandar a defesa. Boa parte do mérito de Washington na vitória veio do QB Taylor Heinicke, que anotou três touchdowns com 16/22 passes completados, que somados dão 206 jardas.

Heinicke comandou duas campanhas que deram a Washington dois field goals chutados por Joey Slye. A defesa do Football Team funcionou e causou three and outs assim como 2 turnovers on downs de Carolina no último quarto.

Cam Newton bem tentou, mas ficou na saudade da vitória após partida até que sólida do ex-MVP da NFL, com 21/27 passes completados, 189 jardas e dois touchdowns. Christian McCaffrey foi segurado pela DL e apenas disparou para 59 jardas favoráveis à Carolina. A defesa de Washington inclusive realizou três fumbles que foram cruciais para sair com a vitória na mala.

New Orleans Saints (5-5) 29 x 40 Philadelphia Eagles (5-6)

A equipe de New Orleans viajou até Philadelphia para enfrentar os Eagles, em busca do sexto triunfo na temporada, mas não foi bem assim. O time da casa não teve dificuldades em se manter à frente do placar desde o início do duelo.

Jalen Hurts, com 147 jardas lançadas, e Miles Sanders, com 94 jardas em 16 corridas, foram os nomes do jogo. Já no lado dos Saints, Trevor Semien lançou 214 jardas e três touchdowns, mas foi interceptado duas vezes.
 

Baltimore Ravens (7-3) 16 x 13 Chicago Bears (3-7)

Jogo definido no último quarto sempre é bom de se ver, independente se as outras três divisões dos 60 minutos de jogo acabam sendo ruins. Dessa vez, Ravens e Bears realizaram uma partida ruim tecnicamente, mas que no último quarto trouxe bela emoção.

Após o jogo estar apenas 7 a 6 para o Bears, os últimos quinze minutos de partida deram uma bela deslanchar. Os Ravens tomaram a frente com mais um FG de Justin Tucker, que viu a bola viajar 46 jardas para obter a liderança da partida com 3m45s para o fim do jogo. Os Bears iniciaram uma campanha sólida de 13 jogadas em dois minutos, e após 80 jardas percorridas no campo, viram Andy Dalton encontrar Marquise Goodwin para o touchdown.

Após falharem em uma conversão de dois pontos, os Bears devolveram a bola para o Baltimore Ravens, que em uma campanha relâmpago, viu Tyler Huntley armar algumas bombas e formas de passe em profundidade e no fim, ver Devonta Freeman disparar para a endzone e anotar o Touchdown da vitória.

Substituindo Lamar Jackson, Huntley lançou para 219 jardas, completando 26 de 36 passes, sendo interceptado uma vez. Andy Dalton substituiu Justin Fields na partida após o QB calouro ter uma lesão na costela. Dalton lançou para 201 jardas, dois touchdowns e 11 passes completos de 23 tentados. Os Bears agora pegam uma Bye-Week, enquanto os Ravens seguem na luta por uma vaga nos playoffs.  
 

Miami Dolphins (4-7) 24 x 17 New York Jets (2-8)

Em uma das partidas menos interessantes da rodada, os Dolphins tiveram dificuldades em vencer os Jets, em Nova Iorque. Em resumo, o confronto foi um “tiroteio” ofensivo, no qual as duas equipes somaram 768 jardas.

Tua Tagovailoa, com 273 jardas, dois touchdowns e uma interceptação, e Joe Flacco, com 291 jardas e dois touchdowns, jogaram bem. Mesmo perdendo, o novato Elijah Moore foi o destaque da partida com 141 jardas recebidas e um touchdown.
 

Detroit Lions (0-9-1) 10 x 13 Cleveland Browns (6-5)

E os Lions continuam sem nenhuma vitória na temporada, após serem derrotados pelos Browns, em Cleveland. Mesmo com o triunfo em casa, os Browns não tiveram uma tarde muito inspirada, tanto no ataque quanto na defesa.

O nome da partida ficou com Nick Chubb, que colecionou 130 corridas em 22 tentativas. Do outro lado, D’Andre Swift correu para 136 jardas e um touchdown, tendo uma corrida de 57 jardas para o touchdown.