Conteúdo

A zebra correu solta nas finais dos ATP's de Montpellier e Pune; Confira os campeões

6 de fevereiro de 2022

(Por Leonardo Costa)

 

Dois dos três principais torneios ATP's disputados durante a última semana já tiveram seus campeões conhecidos, e em ambos a zebra correu solta. Melhor para Alexander Bublik e João Sousa, que foram contra os prognósticos e faturaram os troféus em Montpellier e Pune, respectivamente.

Na primeira final do dia, no ATP 250 de Pune, torneio disputado na Índia, a final em si já era um tanto quanto surpreendente. Sexto cabeça-de-chave, o finlandés Emil Ruusuvuori (87º) enfrentou o experiente portugués João Sousa (137º), que levou a melhor após 2h41' de jogo, com parciais de 7-6/4-6/6-1.

Primeiro título do tenista portugues de 32 anos desde sua conquista no ATP de Estoril em 2018. No caminho até a conquista, Sousa deixou para trás Kadhe, Mager, Altmaier e Imer, até vencer Ruusuvuori pela primeira vez em três duelos.

Já na França, no ATP 250 de Montpellier, o principal favorito ao título, o alemão Alexander Zverev (3º), caiu em sets diretos para o cazaque Alexander Bublik (35º), com parciais de 6-4/6-3, em pouco mais de uma hora de partida.

Aos 24 anos, Bublik conquista seu primeiro título de nível ATP 250 na carreira e deve entrar no top-30 na próxima atualização do ranking.