Conteúdo

Wimbledon: chave masculina, dia 1 – Alcaraz e Djokovic vencem estreias difíceis, Sinner bate Wawrinka

27 de junho de 2022

(por Mattheus Prudente)

O torneio de Wimbledon, terceiro Grand Slam do ano, começou nesta segunda-feira (27), e a chave masculina trouxe Novak Djokovic e Carlos Alcaraz entre os principais favoritos estreando e se complicando. No entanto, ambos venceram, assim como Jannik Sinner, que bateu Stanislas Wawrinka, e Andy Murray,que bateu James Duckworth. 

Djokovic foi o primeiro a entrar em quadra na quadra principal, enfrentando o sul-coreano Soon-Woo Kwon. Kwon deu trabalho para o sérvio já desde o começo, quando ficou uma quebra à frente no primeiro set, mas a maior habilidade de Djoko fez com que o número três do ranking fechasse o jogo em quatro sets, com quase três horas de duração. 

Alcaraz enfrentava o alemão Jan-Lennard Struff, jogador perigoso que passou por vários problemas de lesão na temporada. No entanto, os problemas físicos não pareceram pesar para Struff no começo, e ele abriu dois sets a um contra o espanhol. No entanto, Alcaraz reagiu para vencer em cinco sets de virada, passando para a segunda rodada do Slam. 

Cabeça de chave número 10 do torneio, o italiano Jannik Sinner tinha jogo complicado na primeira rodada contra o experiente Wawrinka, que ainda busca o seu melhor tênis depois de voltar de lesão. O suíço deu trabalho, e até venceu um set, mas a melhor forma de Sinner, apesar de o italiano ter jogado apenas uma partida na grama na temporada, foi determinante para a vitória em quatro sets. 

O último jogo do dia ficou por conta de Andy Murray, que enfrentou o australiano James Duckworth na quadra central. O confronto não foi fácil para Murray, que acabou perdendo o primeiro set, mas reagiu bem e, em casa, fechou a partida em quatro sets. 

Outros resultados interessantes ficam por conta de Hubert Hurkacz, campeão do aberto de Halle e um dos principais cabeças de chave do torneio, que acabou perdendo para Alejandro Davidovich Fokina. Finalista de Roland Garros, Casper Ruud não deu chances para o azar, e bateu o espanhol Albert Ramos-Vinolas em três sets.