Conteúdo

Virada incrível! Rodrygo marca duas vezes seguidas, Benzema vira na prorrogação, e Real Madrid conquista a classificação em cima do Manchester City

4 de maio de 2022

(por Layo Lucena)

Sensacional, incrível, e histórico! Mais uma vez nesta edição da Champions League o Real Madrid ressurgiu do nada, das cinzas, do fundo do poço. Hoje, nesta quarta-feira (4), a camisa, a história e a emoção pesaram a favor do Real Madrid, que vai enfrentar o Liverpool na final, no dia 28.

Na melhor partida de futebol do século, o Real Madrid conseguiu mais uma virada surpreendente, e já está virando hábito. Contra o Paris Saint-Germain, agora contra o Manchester City. Será que teremos o mesmo contra o Liverpool?

Benzema e Vinícius Júnior foram os líderes desse Real Madrid de hoje. Ambos perderam grandes chances no primeiro e no segundo tempo. Porém, Rodrygo, na segunda etapa, entrou “possuído”, e quando mais o time precisava, a estrela do ex-Santos brilhou mais forte. Com dois gols em menos de dois minutos, isso já nos acréscimos, Rodrygo mostrou que merece ser titular neste Real Madrid, que não tem um ponta direita consolidado. E hoje, com seu desempenho, deveremos ver o “Raio” no Qatar, ao lado de Vinicius Junior, Casemiro, Éder Militão e outros jogadores.

E para o Manchester City, tivemos a confirmação que a equipe é, no mínimo, amaldiçoada, ou tem muito prazer em perder nos momentos errados. Grande em quase toda a temporada, e gigante na Inglaterra, os ‘Citizens’ decepcionaram a sua torcida com mais uma derrota inexplicável. Outros podem achar que o revés contra o Real Madrid cai na conta de Pep Guardiola, que optou por substituir De Bruyne, Gabriel Jesus e Mahrez, todos muito bem na partida, ainda no segundo tempo, quando a equipe estava à frente no placar. Guardiola é incrível no que faz, mas hoje mais ajudou o adversário do que contribuiu para o desempenho de seu time.

Com muita emoção, energia e sangue brasileiro, o Real Madrid se classifica para mais uma final de Champions League. Agora, será que o trio Rodryo, Vinícius Júnior e Benzema será titular em Paris, contra o Liverpool?

Real melhor, mas nada de gol

O Real Madrid começou com tudo. Logo aos cinco minutos, após cruzamento de Carvajal, Benzema, sozinho, cabeceou mal. Na sequência, aos sete, tivemos uma confusão entre Laporte, Vinícius Júnior e Modric.

Aos 19', De Bruyne lançou Bernardo Silva, que, já dentro da área, finalizou com força; Courtois fez a defesa. Pouco tempo depois, aos 18', Gabriel Jesus experimentou e assustou a torcida do Real Madrid; Courtois só olhou a finalização.

Já aos 39', Foden, de fora da área, finalizou rasteiro, e Courtois se esticou para a intervenção. Próximo aos acréscimos, Benzema, cara a cara com Ederson, desperdiçou mais uma grande chance para abrir o placar. O atacante francês isolou a bola.

Rodrygo ‘possuído’, e Real Madrid vivo

Logo nos primeiros segundos da segunda etapa, Carvajal cruzou para o meio, e Vinícius Júnior, de primeira, com o gol quase aberto, desperdiçou a melhor chance na partida. Gabriel Jesus respondeu para o City cinco minutos depois, mas Courtois fez mais uma defesa.

Aos 72', Manchester City tirou o zero do placar. Após jogada construída pé para pé, Mahrez, na ponta direita, já na grande área, finalizou de primeira; sem chances para Courtois. Um a zero City.

Já aos 84’, João Cancelo exigiu grande defesa de Courtois, em um chute de fora da área. Na sequência, aos 86’, Jack Grealish, que entrou no segundo tempo, tentou duas vezes; na primeira, Mendy salvou em cima da linha, já na segunda, o camisa 10 finalizou muito próximo da trave de Courtois.

Poucos minutos para os acréscimos, Rodrygo, que entrou no segundo tempo, empatou para o Real Madrid. Camavinga cruzou na área, e Benzema tocou para o meio da área; Rodryo chegou primeiro que Ederson e marcou. Tudo igual.

Na sequência, menos de um minutos depois, Carvajal cruzou no meio da área, e Rodrygo, de novo, marcou, desta vez de cabeça. Dois a um Real Madrid; duelo empatado no agregado. Ederson ainda defendeu mais outra chance de Rodryo pouco tempo depois. Vamos para a prorrogação.

Real classificado!

No tempo extra, Benzema quase deixou o seu gol logo no primeiro minuto. No lance seguinte, o atacante francês foi derrubado dentro da área. Pênalti. Rubens Dias chegou atrasado e só acertou a perna de Benzema. O camisa nove assumiu a responsabilidade e marcou. Três a um Real Madrid.

Nos acréscimos do primeiro tempo da prorrogação, Cancelo cruzou na área, Foden cabeceia, mas Courtois defende; no rebote, Fernandinho não chega a tempo de empurrar a bola para o gol.

Fim de jogo: Real Madrid 3 x 1 Manchester City (6-5)