Conteúdo

Virada incrível fora de casa dos Hawks, com bela partida de Trae Young, deixa Atlanta por um triunfo da final de conferência

17 de junho de 2021

(por Pedro Paulo Alves)
 

Após vencerem um jogo e perderem outro em Atlanta, os 76ers receberam o Atlanta Hawks na Filadélfia para o jogo 5 da série

A partida já começou com uma prévia do que seria o jogo todo, “Philly” conseguindo pontuar com facilidade e Trae Young tentando se destacar por Atlanta, mas os 76ers logo conseguiram abrir vantagem. Joel Embiid acertava tudo o que tentava, Seth Curry conseguia se destacar bastante nas bolas triplas.

O segundo quarto começou de forma tenebrosa para as duas equipes, que começaram os dois primeiros minutos sem pontuar, destaque para uma tentativa de enterrada de Dwight Howard que de forma bizarra a bola foi parar na lateral. Quando os times decidiram pontuar o cenário do primeiro quarto se repetiu, com Philadelphia conseguindo manter um ótimo aproveitamento do perímetro e Atlanta com uma defesa terrível e um ataque que não conseguia acompanhar o ritmo, com a vantagem chegando a 24 pontos.

No terceiro quarto a situação já estava praticamente decidida e, para completar, Bogdanovic estava chegando a cinco faltas enquanto marcava Curry, mas para destacar algo positivo nos visitantes, eles estavam tentando manter uma transição rápida que apesar da longa diferença de pontuação vinha surtindo efeito. Já para Philadelphia, enquanto Curry e Embiid faziam um belo jogo, Ben Simmons estava bem discreto e, para variar, com aproveitamento terrível nos lances livres.

No último quarto os Hawks aproveitaram o momento de descanso dos titulares de Philadelphia para emplacar a vantagem de 15-2 e cortar a vantagem para apenas 11 pontos, mas com a volta do quinteto titular dos donos da casa a vantagem se manteve variando entre 10 e 15.

Faltando quatro minutos para o fim do jogo John Collins acertou a bola de 3, deixando a vantagem em 8 para a partida ficar aberta. No outro lado da bola a defesa de Atlanta forçava falta atrás de falta em Ben Simmons para que ele errasse os lances livres e a posse voltasse para os Hawks. Após Capela anotar 2 pontos os “Sixers” pediram tempo, e ao voltar à partida, Trae Young aproveitou duas jogadas em sequência para cortar a diferença para dois, e ainda na jogada seguinte conseguiu três lances livres para pela primeira vez na partida colocar os Hawks na liderança.

Faltando 22 segundos para o fim a vantagem era de três para Atlanta e a posse era de “Philly”, Joel Embiid infiltrou no garrafão e, faltando 10 segundos, sofreu a falta, mas o pivô errou seus primeiros lances na partida. Na sequência, Trae Young sofreu a falta e acertou os dois lances livres para garantir uma incrível virada fora de casa.
 

Final: Atlanta Hawks 109-106 Philadelphia 76ers

 


 

Após liderarem por 26 pontos os 76ers entregam a partida de forma absurda e agora vão para Atlanta lutando contra o monstro de mais uma eliminação. Já o Atlanta Hawks mostrou mais uma vez ser um time guerreiro e, após brigar até o final, conseguiu uma vitória surpreendente. Na sexta-feira (18), os Hawks podem garantir a classificação para as finais de conferência, mas de qualquer forma a equipe da Geórgia já fica nos corações dos fãs pelo espírito guerreiro.