Conteúdo

Um título histórico! Rafael Nadal vira sobre Medvedev, conquista o Australian Open e vence seu 21º Grand Slam da carreira

30 de janeiro de 2022

(por Leonardo Costa)
 

A sensação pré-jogo é que teríamos um grande embate entre Rafael Nadal e Daniil Medvedev pela final do Australian Open. E em um duelo apoteótico, repleto de alternativas e com uma virada incrível, a Rod Laver Arena presenciou um dos melhores jogos da história do circuito. No fim, vitória de Nadal em cinco sets, com parciais de 2-6/6-7/6-4/6-4/7-5.

No primeiro set, Nadal não viu a cor da bola. Seu baixo aproveitamento no primeiro serviço, aliado à solidez no fundo de quadra do russo, fez com que o espanhol sofresse duas quebras, com Medvedev faturando a primeira parcial rapidamente.

Inteligente como poucos no circuito, Nadal mudou e melhorou seu estilo de jogo para o segundo set e abriu 4 a 1. Porém, a reação de Medvedev foi fulminante, inclusive quebrando o saque do espanhol quando ele sacava para o set. No tie-break, o russo saiu de um 3-5 e abriu dois sets a zero.

Com o início do terceiro set, a tensão no ar era nítida, com o público sabendo que era preciso um milagre para que Nadal buscasse a virada, e ela começou a ser cimentada. Medvedev teve a chance de quebra no sexto game, com 0-40, mas Nadal confirmou o serviço e ainda roubou o saque do rival no nono game para fechar o set na sequência.

O quarto set foi outro show de atuação de ambos tenistas. Vontade e competitividade estiveram o tempo todo presentes na quadra, mas o momento de Nadal era superior, tendo resposta para todas as variações tentadas por Medvedev. O 'Toro Miúra' foi cirúrgico e forçou o set decisivo.

Quando a parte mental já era praticamente toda de Nadal, Medvedev mostrou os motivos de ser um dos melhores tenistas da atualidade, exigindo ao máximo ao espanhol. Por fim, Nadal conseguiu a quebra no 12º game e fechou a partida, para delírio dos amantes do ténis.

21º título de Grand Slam para Rafael Nadal, o segundo no Australian Open, desempatando com Novak Djokovic e Roger Federer e assumindo o topo do ranking histórico.