Conteúdo

Sempre ele! Em dia de fraco desempenho coletivo, Messi garante a vitória do PSG

19 de outubro de 2021

(por Felipe Tostes)

Desembarcamos no Parc des Princes. Com a presença de Ronaldinho Gaúcho nas tribunas, o Paris Saint-Germain recebeu o RB Leipzig, em jogo válido pela terceira rodada da UEFA Champions League.

Mais cedo na Bélgica, o Manchester City venceu o Club Brugge na outra partida do grupo A e assumiu a liderança momentaneamente da chave. Assim, o PSG, mais uma vez desfalcado de Neymar, entrou em campo buscando a vitória para reassumir a ponta, enquanto o Leipzig tentava somar seus primeiros pontos na competição.

O jogo

A partida começou movimentada na capital francesa, e não demorou muito para o time da casa colocar as cartas na mesa. André Silva foi desarmado no ataque, Marquinhos tocou rapidamente para Julian Draxler. O alemão colocou Kylian Mbappé para correr com campo livre, o atacante avançou até a área adversária e, no momento certo, finalizou rasteiro no canto esquerdo para abrir o placar.

Atrás do placar, o Leipzig continuou adiantando suas linhas em busca de oportunidades. Aos 25 minutos, André Silva acertou em cheio a trave do PSG. Logo na sequência, em uma saída rápida ao contra-ataque, os alemães chegaram ao gol de empate em uma inversão de jogo de Angeliño, que encontrou André Silva, livre nas costas de Presnel Kimpembe, chegando e só empurrando a bola para o fundo da rede.

Com o placar empatado, o jogo acabou esfriando. O PSG que tentava atacar pelo lado esquerdo com Nuno Gomes e Mbappé, parou de investir por aquele lado, e o Leipzig, acabou não conseguindo manter o time marcando pressão na saída de bola adversária.

Intervalo de jogo: PSG 1-1 RB Leipzig

A segunda etapa começou com o PSG com dificuldades para criar, enquanto os visitantes demonstravam estar bem postados defensivamente. Desta forma, adquiriram confiança para crescer na partida. Aos 12 minutos, em uma ótima trama ofensiva, o Leipzig novamente com uma assistência de Angeliño, conseguiu virar o placar, desta vez foi Nordi Mukiele que apareceu para completar o ótimo levantamento do ala.

Ainda em dificuldades na partida, o PSG recebeu um presente adversário e soube aproveitar muito bem. O Leipzig trocava passes no campo de defesa, até que Tyler Adams, pressionado, foi recuar a bola e acabou entregando a mesma nos pés de Mbappé. Com a defesa exposta, o francês só teve o trabalho de rolar para Lionel Messi completar e empatar a partida.

Um presente pode ser fatal, e, assim, o PSG conseguiu voltar a partida. Querendo a vitória, Mbappé arrancou novamente pelo lado esquerdo Ao cortar para dentro da área, Mohamed Simakan esqueceu a bola e foi no corpo do atacante, e o árbitro assinalou o pênalti. Messi foi para a bola e com toda sua categoria, deu uma cavadinha para anotar o terceiro e colocar os parisienses a frente do placar.

Já nos acréscimos, em outro contra-ataque do time da casa, o árbitro marcou pênalti de Josko Gvardiol em cima de Achraf Hakimi. Desta vez, Mbappé foi para a cobrança e bateu para longe do gol. Por sorte, o jogo já estava liquidado e não havia tempo para mais nada.

Fim de jogo: PSG 3x2 RB Leipzig

O PSG jogou mal e conseguiu a vitória muito em conta dos erros cometidos pelo Leipzig. Embora Messi tenha marcado dois gols, devemos enaltecer o trabalho feito por Mbappé(mesmo perdendo pênalti), que se fez presente nos três gols da partida. Agora o time volta a campo pelo campeonato francês, no domingo, contra o Olympique Marseille.

O RB Leipzig foi guerreiro e em muitos momentos foi melhor na partida, só que os erros individuais custaram caro e a equipe volta para a Alemanha sem nenhum pontinho na bagagem. Agora é hora de virar a chave e tentar se recuperar no campeonato alemão, já no sábado o time recebe o Greuther Fürth.