Conteúdo

Sem Tom Brady, Tampa Bay Buccaneers coloca a "franchise tag" em Chris Godwin, principal alvo do ex-quarterback

8 de março de 2022

(por João Zarif)

À medida que uma offseason imprevisível continua para o Tampa Bay Buccaneers, uma certeza é que o wide receiver Chris Godwin estará de volta ao time em 2022.

Os Bucs anunciaram que usarão a "franchise tag" em Godwin pelo segundo ano consecutivo. Os dois lados não conseguiram chegar a um acordo de longo prazo, mas continuarão tentando, informou o NFL Network Insider, Ian Rapoport.

Godwin receberá cerca de US$ 19,18 milhões na próxima temporada, se ele e os Bucs não conseguirem uma extensão antes do prazo de 15 de julho. Os wide receivers com a tag devem receber US$ 18,419 milhões em 2022, mas as regras da NFL exigem que uma segunda tag consecutiva para um jogador custe pelo menos 20% a mais do que o salário anterior do jogador (Godwin faturou US$ 15,98 milhões em 2021).