Conteúdo

(por Layo Lucena)

O destaque da rodada de quarta-feira (2) da NHL foi o confronto entre Edmonton Oilers e Washington Capitals, que foi realizado em Washington. Essa foi a primeira partida dos Capitals após Alexander Ovechkin testar positivo para COVID-19.

No primeiro período, a partida parecia ser dominada pelos Oilers, que abriram uma vantagem de três gols. Mas os Capitals se recuperaram durante o jogo, chegando a empatar o duelo; porém, a estrela de Ryan Nugent-Hopkins brilhou no último período.

Resumo do jogo:

Em cinco minutos de confronto, os Oilers abriram uma vantagem de três gols. Draisaitl, com apenas um minuto de partida, seguido de Kane e McDavid, em um power play, construíram o que poderia ser o início de uma goleada. No entanto, ainda no primeiro período, os Capitals descontaram com Eller.

Após o gol da equipe de Washington, o segundo período foi bem equilibrado, diferente dos primeiros 20 minutos de partida. Aos nove minutos, Sheary colocou “fogo” no jogo após marcar para os Capitals, diminuindo a vantagem dos Oilers para apenas um gol.

O último período começou, e com ele chegou o empate dos Capitals. Kuznetsov, logo aos dois minutos, marcou para a equipe da casa; após o gol a partida ficou aberta, até que Nugent Hopkins resolveu para os Oilers. O camisa 93 fez dois gols em menos de cinco minutos, fechando o marcador para o Edmonton Oilers.

Placar final: Edmonton Oilers (23-16-3) 5 x 3 Washington Capitals (25-13-9)

Ryan Nugent-Hopkins (Oilers): dois gols e uma assistência

Leon Draisaitl (Oilers): um gol e uma assistência

Evgeny Kuznetsov (Capitals): um gol

Outros resultados:

Seattle Kraken (15-27-4) 3 x 0 New York Islanders (16-17-6)
Los Angeles Kings (24-16-7) 5 x 3 Detroit Red Wings (20-21-6)
Minnesota Wild (28-10-3) 5 x 0 Chicago Blackhawks (16-23-7)
Calgary Flames (23-13-6) 4 x 2 Arizona Coyotes (11-30-4)