Conteúdo

Rodada NBA - Sem Lebron James, Lakers é derrotado pelos Knicks, Mavericks vencem os Clippers na prorrogação, e McCollum e Lillard somam 57 pontos em vitória dos Trail Blazers

24 de novembro de 2021

(por Sérgio Viana)

Rodada curta na noite de ontem (23) com alguns resultados até de certa forma surpreendentes:

Los Angeles Clippers 104 x 112 Dallas Mavericks

Paul George salva os Clippers no tempo normal mas não impede a derrota para os Mavericks. A equipe de Dallas foi a Los Angeles com Doncic retornando de contusão, já tinha ficado de fora nos últimos três jogos com um problema no tornozelo.

A primeira metade do jogo foi equilibrada, placar baixo mas com ligeira vantagem para os Clippers, que foram para o intervalo com uma pequena vantagem de 48-42 no placar. No início do terceiro período, com um corrida sensacional, seguraram o jogo na rotação para fechar o terceiro período com vantagem de mais quatro no placar.

O último período foi mais uma vez equilibrado, com Reggie Jackson conduzindo os Clippers de um lado e Luka Doncic do outro. Doncic estava quente com 15 dos seus 26 pontos no quarto período. Os Mavs se recuperaram e tiveram chance de fechar o jogo no tempo normal.

Mann, com os Clippers perdendo por três com 1.1s no relógio, repôs rápido a bola para Paul George. O camisa 13, até então bem apagado com 0/4 de longa distância, guardou os três pontos em um lance polêmico, levando a contenda para a prorrogação, e desperdiçou a audiência da NBA às 3 horas da manhã.

Foi somente para atrapalhar o sono do fã da bola laranja, porque na prorrogação, os Mavs abriram logo sete pontos e fecharam o tempo extra com 9-1 e conquistaram a sua 10ª vitória, sexta em 10 jogos.

Kristaps Porziņģis teve 30 pontos, sete rebotes e foi decisivo no tempo extra. Doncic flertou com um triplo duplo, com 26 pontos, nove rebotes e nove assistências. Eu provavelmente vou “zicar” o cara, mas parece que Jason Kidd encontrou uma forma de fazer Porzingis e Doncic se entenderem em quadra. KP está com quase 22 pontos de média e parece, vou repetir, parece mais seguro em quadra e menos exposto nas trocas defensivas.

O desafio dele é justamente conseguir extrair mais desse elenco que se não é brilhante, tem condições de lutar por mando de quadra nesta ainda indefinida Conferência Oeste.

Nos Clippers, Ty Lue segue sua temporada sem Leonard. O time não deve ter dificuldades para se classificar para os Playoffs, mas falta talento para almejar algo além de mando de quadra.

Ontem, Paul George estava muito apático, e os 26 pontos escondem uma pontuação sustentada por lances livres e horríveis 1-6 em bolas de três pontos. Se LAC deseja algo, PG tem que brilhar. Reggie Jackson - quem diria - liderou o time ofensivamente com 31 pontos e 10 rebotes.

Por conta das comemorações do Dia de Ação de Graças nos EUA, os Mavs voltam à quadra somente no sábado (27), em casa, contra os Wizards e os Clippers na sexta recebem os Pistons.

Miami Heat 100 x 92 Detroit Pistons

Os Pistons receberam o Heat no primeiro jogo após o episódio entre Isaiah Stewart e Lebron James, e o enredo do jogo foi bem parecido. Lideraram os três primeiros quartos e entregaram a “rapadura” no último período, típico de times jovens e em processo de reconstrução. Melhor para o Heat que não tem nada a ver com isso, e com a vitória, fica a um jogo da liderança da Conferência Leste. Destaque para Tyler Herro com 31 pontos pelo Heat e Jerami Grant com 21 pontos pelos Pistons.

Los Angeles Lakers 100 x 106 New York Knicks

Os Knicks se aproveitaram da ausência do LeBron James, fizeram um primeiro quarto muito sólido e garantiram a vitória diante dos Lakers, se recuperando da derrota de domingo (21) contra os Bulls. Destaque para Evan Fournier com 26 pontos e 6-9 em bolas de três pontos pelo time da ‘Big Apple’ e Russell Westbrook, com mais um triplo duplo, com 31 pontos, 13 rebotes e 10 assistências.

Denver Nuggets 100 x 119 Portland Trail Blazers

McCollum e Lillard combinaram para 57 pontos na vitória de ontem diante dos Nuggets, que foram ao Oregon sem Nikola Jokic. Foi a quarta vitória seguida do time de Billups e a quinta derrota seguida dos comandados de Mike Malone. Pelo time do Colorado o destaque ofensivo foi Jeff Green, que teve um total de 24 pontos.