Conteúdo

Red Bull Powertrains - Novo golpe na Mercedes

6 de maio de 2021

(por Bruno Braz)
 

Em um novo capítulo da guerra entre Red Bull e Mercedes, um novo golpe da esquadra taurina: cinco profissionais chaves do departamento de desenvolvimento de motores estão deixando a marca de três pontas, migrando para a Red Bull, totalizando em seis os profissionais retirados da marca alemã. São eles: 

  • Steve Blewett, que será diretor de produção de unidade de potência;
  • Omid Mostaghimi, que chefiará o setor de eletrônico do trem de força e de recuperação de energia;
  • Steve Brodie, liderará o grupo de operações do motor de combustão interna;
  • Pip Clode, que será chefe de projeto mecânico do sistema de recuperação de energia;
  • Anton Mayo, será o chefe de projeto de unidade de potência.
     

Christian Horner se mostrou animado com as novas aquisições, dizendo estar "extremamente empolgado", ponderando, porém, que o tema é "extremamente exigente", ressaltando a decisão da Red Bull de "trazer para si todos os aspectos das suas operações de Fórmula 1".

Helmut Marko, ainda expôs mais uma situação do golpe, dizendo que a Mercedes "ofereceu duplicar salário para as pessoas que contratamos para eles ficarem”.