Conteúdo

Ravens vencem duelo de divisão contra os Browns e mantém o 1º lugar da AFC em show de turnovers

29 de novembro de 2021

(por João Zarif)

 

O Cleveland Brown visitou o Baltimore Ravens no M&T Bank Stadium, na semana 12 da NFL, en um duelo crucial entre rivais da divisão Norte da AFC. Enquanto o time da casa tinha 6 vitórias e 5 derrotas, os visitantes tinham 7 vitórias e 3 derrotas.

Os dois times são reconhecidos pelo forte jogo terrestre e defesas consistentes, e no primeiro quarto, foram as defesas que sobressaíram. Baker Mayfield, quarterback de Cleveland, claramente estava longe de sua condição física ideal, tendo dificuldades para conseguir conversões, enquanto Lamar Jackson, famoso por correr muito apesar de ser quarterback, não teve um início inspirado. A única pontuação aconteceu em um field-goal de 52 jardas de Justin Tucker, lendário kicker dos Ravens, que deixou 3-0 no placar pouco antes do fim do quarto.

O segundo quarto veio e a esperança de um jogo melhor logo foi perdida. Os times tinham muitas dificuldades para avançar em campo, e os Ravens ampliaram para 6-0 em mais um field-goal de Tucker, dessa vez de 25 jardas, após a equipe de Baltimore ter chances de marcar na linha de 1 jarda, mas ser impedida pela defesa do time da casa, configurando uma vitória para os Browns, que poderiam ficar duas posses atrás no placar com menos de 4 minutos no relógio antes do intervalo.

O jogo parecia morto, mas os Browns resolveram colocar um pouco de emoção. O recebedor Jarvis Landry recebeu o snap no lugar de Mayfield, ele foi sacado por Odafe Oweh e sofreu um fumble, recuperado por Patrick Queen, linebacker dos Ravens. O ataque veio para o campo e adivinha? Mais um turnover. Dessa vez Lamar Jackson foi para o passe, buscando o tight-end Mark Andrews, mas ele foi interceptado por Denzel Ward, que colocou Cleveland no campo de ataque, na minha de 47 jardas. Mesmo assim o time não conseguiu evoluir na campanha, e Chase McLaughlin foi ao campo para chutar um field-goal de 46 jardas, deixando o placar em 6-3 com 1 minuto no relógio.

Na primeira jogada de Lamar Jackson, ele buscou novamente Andrews no meio do campo, e foi interceptado por Grant Delpit, ao fazer um passe ridículo, que colocou os visitantes na linha de 28 jardas de ataque. Chance ótima para Cleveland, certo? Mas os Browns não dão um minuto de sossego para seus torcedores e Mayfield sofreu um fumble sozinho, ao se preparar para fazer um passe, deixando a bola solta, e assistindo Oweh recuperá-la para os Ravens. Com isso o ataque de Lamar e cia. novamente veio ao campo, mas os trapalhões não estavam satisfeitos, e ele foi novamente interceptado em um passe para Mark Andrews, dessa vez por Ronnie Harrison. O quinto turnover em menos de 4 minutos, tornando o segundo quarto eterno. Os Browns tiveram a posse mas foram pro punt e Lamar ajoelhou para encerrar o primeiro tempo horroroso em Baltimore.

A pausa parece ter sido proveitosa para os Ravens, que voltaram para o segundo tempo muito mais eficientes. Logo na primeira campanha o time ficou mais de 5 minutos em campo, executou 10 jogadas e Lamar Jackson enfim conectou Mark Andrews na endzone em um passe de 13 jardas, para o primeiro touchdown do jogo, colocando o time com boa vantagem no placar: 13-3 após o chute extra.

Os Browns pareciam entregues na partida, mas uma campanha excelente colocou a equipe no jogo. Baker Mayfield encontrou bons passes e conduziu o time ao primeiro touchdown após apenas 5 jogadas e 2 minutos e meio. Em um passe de 20 jardas no meio do campo o quarterback encontrou o tight-end Njoku, que fez bela recepção no chão e entrou na endzone. A arbitragem confirmou os 6 pontos após checagem para ver se a bola havia batido no chão, mas não encontraram evidências suficientes para reverter o lance. 13-10 no placar e jogo mais que aberto restando 40 segundos no 3º quarto.

A boa campanha do time de Ohio colocou pressão no time da casa, e Lamar Jackson, que conduzia uma boa campanha, forçou passe em profundidade para Mark Andrews, e pela 4ª vez foi interceptado, dessa vez por John Johnson, colocando o ataque de Cleveland novamente em campo, já no último quarto.

A partir daí as defesas dominaram mais uma vez e o tempo foi passando, até que os Ravens foram para o ataque e gastaram mais de 5 minutos com corridas seguidas, obrigando os Browns a queimarem seus 3 tempos. Justin Tucker converteu um chute de 49 jardas e deixou o placar em 16-10 restando 1 minuto e 10 segundos, com Mayfield sem nenhum tempo para pedir. O quarterback tentou 4 passes sem sucesso e Lamar precisou apenas ajoelhar para garantir a vitória e também o 1º lugar geral dos Ravens na AFC, com 8 vitórias e apenas 3 derrotas.

Final: Baltimore Ravens 16x10 Cleveland Browns