Conteúdo

Raiders vencem Dolphins na prorrogação, Broncos atropelam os Jets, Rams impõem primeira derrota aos Bucs e Vikings conseguem virada. Saiba mais sobre os jogos do segundo horário

26 de setembro de 2021

(por Daniel Morales)
 

Quatro jogos abrilhantaram o segundo horário de domingo da semana 3 da NFL. Destaque para a grande vitória dos Rams de Matthew Stafford e Aaron Donald sobre o Buccaneers de Tom Brady.  

Os Broncos atropelaram os Jets em mais um jogo fraco de Zach Wilson.  Aconteceu também a primeira vitória dos Vikings na temporada com uma atuação digna de MVP de Kirk Cousins. Além de um jogo maluco com vitória na prorrogação dos Raiders sobre os Dolphins em Las Vegas. Veja como foram os jogos:
 

New York Jets 0 – 26 Denver Broncos 

No Empower Field at Mile High, em Denver, os Broncos atropelaram os Jets e chegaram à terceira vitória na temporada regular. O primeiro TD foi do RB Javonte Williams e o outro Touchdown da partida foi do também RB Melvin Gordon.

Além desses pontos, a vitória de Denver se consolidou nos quatro field goals anotados pelo Kicker Brandon McManus, e pela ótima partida também da defesa, que anulou o ataque de Nova York, com direito a duas interceptações do QB Zach Wilson. Com essa vitória o Denver Broncos chegou a mais uma boa vitória na temporada ao fazer o dever de casa sobre os Jets. 

Já pelo lado do time verde de Nova York, foi a 3ª derrota em três jogos, já complicando a situação do time de Robert Saleh na luta por uma vaga na pós-temporada. O quarteback rookie Zach Wilson, segunda escolha geral do último draft, fez mais uma partida bem ruim e chegou ao terceiro jogo seguido sendo interceptado. 

Os Broncos voltam a campo no próximo domingo (3) quando receberam Lamar Jackson e o Baltimore Ravens. Por sua vez, o New York Jets receberá o Tennessee Titans de Derrick Henry. 
 

Seattle Seahawks 17 - 30 Minnesota Vikings 

Aleluia, Minnesota Vikings! Após perder dois jogos por pura bobeira, o último, contra os Cardinals, por ter perdido um FG, os Vikings finalmente venceram a primeira na temporada regular. 

Os Seahawks até começaram na frente e chegaram abrir uma vantagem de quase duas posses, mas com grande atuação do quarteback Kirk Cousins, que deu três passes para TD e teve 323 jardas aéreas, nenhuma interceptação e um rating de 128,4. O QB também contou com boas atuações de seu corpo de recebedores, Thielen, Justin Jefferson e KJ Osborn, e a linha ofensiva, que nos últimos dois jogos vem apresentando certa evolução. 

Na defesa, Everson Griffen, Erick Kendricks e Danielle Hunter fizeram um bom trabalho pressionando Russell Wilson, que junto com todo o ataque de Seattle, passou em branco no 2ª tempo, não anotando nem um FG. Com uma performance bastante dominante, os Vikings fizeram a festa da sua torcida no U.S Bank Stadium e conquistaram a primeira vitória na temporada regular. 

Os Vikings agora receberão o Cleveland Browns no próximo domingo, enquanto os Seahawks terão o duelo de divisão contra o San Francisco 49ers, na Califórnia, também no próximo domingo. 
 

Tampa Bay Buccaneers 24 - 34 Los Angeles Rams

Pintou o campeão? No Sofi Stadium, sede do próximo Super Bowl, os Rams chegaram a mais uma vitória, e jogo após jogo mostram que são o time mais forte da NFC Oeste, candidato fortíssimo a chegar no próximo Super Bowl. A vitima da vez foi o atual campeão, o Tampa Bay Buccaneers, de Tom Brady. 

Os Bucs até abriram o placar com o wide receiver Chris Godwin, mas o que se viu após isso foi uma grande atuação dos donos da casa, comandados pelo seu novo quarterback. Stafford fez mais uma grande partida com direito a quatro passes para TD, 343 jardas aéreas e rating 134,0. 

Já em Tampa Bay, Tom Brady não fez um jogo ruim, longe disso. O sete vezes campeão do SB teve 432 jardas aéreas e ainda anotou um TD na linha de uma jarda. Mas, não teve perto de parar os Rams, que ainda contaram com grande partida do WR Cooper Kupp, que anotou 2 TDs, 9 recepções e 96 jardas recebidas. 

Agora, os Rams enfrentarão o Arizona Cardinals em duelo de divisão da NFC Oeste, em Los Angeles, no próximo domingo. Por sua vez, Tom Brady e os Buccaneers receberão o New England Patriots, em Tampa Bay. Será o reencontro de Brady com a franquia a qual começou sua carreira e foi seis vezes campeão do Super Bowl. 
 

Miami Dolphins 28 - 31 Las Vegas Raiders

O grande jogo do segundo horário. Os Raiders bateram o Miami Dolphins desfalcado de seu quarterback titular, Tua Tagovailoa, mas mesmo assim vendeu muito caro a derrota fora de casa. E saiu na frente com uma pick-six do LB Elandon Roberts e ampliou com um TD de 24 jardas do RB Malcom Brown. 

Porém, os donos da casa já começaram a reação com um safety, Howard Jr, em cima de Jaylen Waddle, e um FG convertido do kicker Daniel Carlson. Com o apoio da sua fanática torcida, os Raiders foram buscar a reação no segundo quarto com um TD de Alec Ingold e viraram a partida logo no começo do segundo tempo com TD de Hunter Renfrow. 

A vantagem de Las Vegas ainda veio a aumentar com um TD corrido na linha de uma jarda de Peyton Barber. Tudo resolvido para os Raiders? Nada disso. O Miami Dolphins buscou uma linda reação ao longo do segundo período, sendo iniciada com um FG do kicker Sanders, além de um TD corrido do QB Jacoby Brissett, que substituiu Tua. Com o jogo em 25-25 a partida foi para prorrogação.

No primeiro drive da prorrogação, os Raiders apenas anotaram um FG com Daniel Carlson, o Miami Dolphins teve a chance de vencer o jogo, mas apenas empatou com outro FG convertido. Faltando três segundos para findar a prorrogação, Carlson foi para a linha de 22 jardas para chutar o FG, converter e dar a vitória para o Las Vegas Raiders. 

Terceiro triunfo do Las Vegas Raiders e o segundo na prorrogação. Derek Carr e companhia voltam a campo daqui a duas segundas-feiras para irem até Los Angeles enfrentar o Chargers, no MNF. Por sua vez, os Dolphins receberão os Colts no próximo domingo (03/10).