Conteúdo

Quase! Jets ‘acordam’ no segundo tempo, marcam 14 pontos, mas Falcons se seguram no último quarto

10 de outubro de 2021

(por Layo Lucena)

New York Jets e Atlanta Falcons viajaram até Londres para se enfrentarem na semana 5 da NFL, e a partida não decepcionou quem acordou cedo. O primeiro tempo, sim, foi bem morno, mas os dois últimos quartos valeram o sono perdido.

O novato selecionado na segunda escolha geral do último draft, Zach Wilson teve mais uma partida inconsistente e se destacou “negativamente” nos primeiro dois quartos. Mas não foi só o quarterback, e sim todo o ataque dos Jets. A equipe de Nova Iorque foi limitada pelo sistema defensivo dos Falcons, o que favoreceu a Matt Ryan e seus comandados.

O experiente quarterback teve alguns momentos de dificuldade ao tentar encontrar recebedores livres no início do jogo, mas logo Kyle Pitts demonstrou ser o principal alvo de Ryan na partida. O também novato, selecionado na primeira rodada do último draft, mostrou todo  seu talento contra a secundária dos Jets, e foi por muito tempo uma “dor de cabeça” imparável.

No entanto, tudo mudou no intervalo. Os Jets conseguiram estabelecer seu jogo corrido, e isso abriu portas para o ataque liderado por Zach Wilson. Com dois touchdowns no segundo tempo, os Jets chegaram a assustar os torcedores dos Falcons com mais possibilidade de virada no último quarto, mas isso não aconteceu.    

Jets suam, mas são os Falcons que comemoram

A primeira campanha da partida durou seis minutos e 14 segundos, sendo finalizada pelo kicker Young Hoe Koo, que acertou um field goal de 31 jardas, abrindo o placar para os Falcons. Em sua primeira tentativa ofensiva, Zach Wilson não fez nada além de levar uma pancada forte de um dos defensores dos Falcons. Em três jogadas, os Jets tiveram que devolver a posse.

Na campanha seguinte, em uma série de jogadas focadas no ataque aéreo, Kyle Pitts recebeu o primeiro touchdown de sua carreira na NFL, após passe de duas jardas de Ryan. Falcons 10 a zero. Até aqui, a equipe de Atlanta dominou os dois lados da partida, com muita facilidade no ataque e limitando as jogadas dos Jets. Wilson tem dificuldades em acerta qualquer passe, e o jogo terrestre não dá espaço para se desenvolver.

O ataque dos Falcons entrava em campo e não saia até pontuar. Na terceira campanha ofensiva da equipe, terceira pontuação no dia. Em uma sequência de jogadas que contou com uma recepção com apenas uma mão de Kyle Pitts, Ryan achou outro tight end na endzone: Hayden Hurst. O camisa 2 acertou um passe de 17 jardas nas mãos do camisa 81. Falcons 17 a zero.

Na primeira campanha dos Jets no segundo quarto, Wilson sofreu uma interceptação infantil. O camisa 2 dos Jets lançou nas mãos de Jaylinn Hawkins, que só agradeceu o passe no lugar certo. Porém, Hurst, que anotou o touchdown para os Falcons, sofreu um fumble após pancada de C.J. Mosley, e a bola foi recuperada pela defesa dos Jets. Após o turnover, Matt Ammendola converteu um field goal de 31 jardas, tirando o zero no placar para os Jets.

Na última jogada do primeiro tempo, após uma rápida campanha ofensiva dos Falcons que resultou em uma ótima oportunidade para ampliar o marcador, Koo entrou em campo e adicionou mais três pontos ao placar com um field de goal de 52 jardas.

O primeiro tempo do confronto foi todo dominado pelos Falcons, tanto no ataque quanto na defesa. Já os Jets não conseguiram nenhuma grande jogada ofensiva em todo os 30 minutos de partida, e Zach Wilson acumulou uma sequência de erros. Só no primeiro tempo, Patterson colecionou 76 jardas, já o ataque inteiros dos Jets, somou 80 jardas totais. Na defesa, os jogadores e os técnicos “quebravam a cabeça” para tentar parar o ataque dos Falcons, sem sucesso.

Intervalo: New York Jets 3 x 20 Atlanta Falcons

Diferente do primeiro tempo, o terceiro quarto só deu Jets, tanto no ataque quanto na defesa. Logo na primeira campanha da segunda etapa, a equipe de Nova Iorque diminuiu com Ty Johnson correndo uma jarda. Jets 9 a 20.

Pouco tempo depois, foi a vez da defesa dos Jets aparecer. Mike Davis sofreu um fumble, e a bola foi recuperada por um jogador de branco e verde. Porém, Wilson não foi capaz de capitalizar o turnover.

Já no último quarto, Michael Carter marcou mais um touchdown para os Jets. A diferença caiu para três pontos, após o ataque converter a tentativa de dois pontos. Jets 17 a 20.

Com a diferença apenas de três pontos, os Falcons mostraram a sua superioridade ofensiva ao marcar o touchdown derradeiro da partida, com Mike Davis correndo três jardas. Na campanha seguinte, os Jets descontaram com mais um field goal de Ammendola, desta vez de 49 jardas. E a partida terminou assim. Mesmo tentando uma virada, o New York Jets não foi feliz em Londres, diferente do Atlanta Falcons.

Fim de jogo: New York Jets (1-4) 20 x 27 Atlanta Falcons (2-3)

Matt Ryan (Falcons): 33-45, 342 jardas e dois touchdowns

Cordarrelle Patterson (Falcons): 14 corridas para 54 jardas

Kyle Pitts (Falcons): nove recepções para 119 jardas e um touchdown

Zach Wilson (Jets): 19-32, 192 jardas e uma interceptação

Michael Carter (Jets): 10 corridas para 38 jardas e um touchdown

Corey Davis (Jets): quatro recepções para 45 jardas

Na semana 6, o Atlanta Falcons está de folga. Com isso, a equipe vai se preparar para o confronto contra o Miami Dolphins, em Miami, na semana 7. O New York Jets, assim como os Falcons, não atua na semana 6. Por conta disso, o time vai focar na partida contra o New England Patriots (24/10), pela semana 7.