Conteúdo

Primeiro brasileiro a erguer taça da Champions como capitão, Marcelo se despede do Real Madrid

29 de maio de 2022

 

por Igor de Paiva

O título da Champions League, conquistado na tarde de ontem contra o Liverpool, marcou o fim de uma era: Marcelo está fora do planos do Real Madrid. O brasileiro, que se tornou o primeiro brasileiro a erguer a taça como capitão, ficou 16 anos no clube da capital espanhola. 

“Eu estou muito feliz. Saio do Real Madrid com a cabeça em pé. Fiz tudo que podia fazer pelo clube”, explica Marcelo.

Marcelo também agradece o clube e espera que o filho possa continuar seu ciclo no maior campeão de Champions. “ O clube também, desde que eu cheguei, sempre me ajudou, sempre me apoiou. Estou fechando um ciclo. Espero que meu filho continue esse ciclo no Real Madrid. Estou muito feliz. Mas não podia terminar melhor. Ganhando uma Champions, sendo o maior vencedor da história do Real Madrid, estou muito feliz”, esmiúça.

Apesar de inúmeros rumores afirmando que o destino de Marcelo é o Brasil, o lateral deixou clara a sua intenção de permanecer na Europa e voltar a disputar a Champions League.