Conteúdo

Prévias da temporada na F1: Alpine - O sonho perto de se tornar realidade?

10 de março de 2022

(por Antonio Vinícius)

Faltando duas semanas para o início da temporada 2022, e seguindo a série de prévias de como as equipes e os pilotos irão se adaptar às novas regulamentações da Fórmula 1, é hora de falarmos da Alpine F1 Team.  

A equipe francesa, liderada pelo recém chegado Otmar Szafnauer, vem com grandes expectativas em cima do seu carro para temporada 2022 após o quinto lugar no campeonato de construtores em 2021. 

O A522, carro lançado no dia 21/02, vem com entradas de ar semelhante ao do carro da Ferrari. Ranhuras sob o sidepods e a mesma “barbatana de tubarão” que os demais vem lançando.  

Nos testes em Barcelona, O carro aparentemente parece ser confiável após Fernando Alonso dar 129 voltas sem um problema sequer. Porém, o carro ainda possui alguma distância bem considerável de Mercedes, Ferrari e Red Bull em unidade de potência.  

PILOTOS 

Fernando Alonso 

 Bicampeão mundial pela mesma divisão da Renault nos meados da década de 2000, o príncipe das Astúrias, Fernando Alonso, de 40 anos, ainda é um dos cinco melhores pilotos do grid, segundo este que vos escreve.  

Rápido e extremamente cerebral, Fernando voltou à F1 em 2021 com uma postura totalmente diferente da que vinha tendo na categoria quando corria pela McLaren e Ferrari. Muito mais associável com seu companheiro de equipe e menos “explosivo” em seus rádios.  

Alonso deve brigar por pódio em algumas corridas nessa temporada, mas não deve passar disso. Muito consagrado e experiente, ele deve também auxiliar no desenvolvimento do piloto reserva, o jovem e talentoso australiano Oscar Piastri.  

Esteban Ocon 

Conquistando sua primeira vitória na carreira no GP da Hungria, Esteban Ocon teve um ano especial na fórmula 1 em 2021.  

Terminando o campeonato de pilotos em 11º com 74 pontos, Ocon ainda demonstra alguns erros em corridas,  mas é nítida a evolução dele como piloto ano após ano. 

Com contrato até 2024, Esteban está seguro dentro da Alpine, porém precisa demonstrar que a confiança da equipe nele não é em vão, trazendo mais pódios para a Alpine.  

O QUE ESPERAR?  

Dentro das expectativas, a Alpine deve brigar pelo meio do grid novamente nesse primeiro ano de implementação da nova regulamentação. Em algumas corridas pode ser que se destoe mais, caso a pista se encaixa com o carro, mas não deve passar disso.  

Creio que não será fácil a equipe francesa ter vitórias nessa temporada de 2022, mas pode ser que tenha uma evolução constante ao longo da temporada para vir mais forte em 2023.  

Chefe da equipe: Otmar Szafnauer  

Fornecedora de motor: Mecachrome/Renault  

Briga por: Meio de grid.