Conteúdo

(por Diego Dias)

A revista especializada Forbes divulgou o ranking anual das equipes mais valiosas dos esportes americanos nesta quarta-feira (09). E, pelo sexto ano consecutivo, o New York Rangers lidera a NHL como a mais valiosa. A equipe de Manhattan está avaliada em US$ 1.65 bilhão, não sofrendo variável em relação a 2019.

Outras equipes do "Original Six" como Toronto Maple Leafs, Montreal Canadiens, Chicago Blackhawks e Boston Bruins aparecem logo em seguida, também sem sofrer queda de valor. O fato de estarem localizadas em grandes mercados contribuiu para a estabilidade. Fator que não foi visto nas demais equipes. À exceção do atual campeão Tampa Bay Lightning (US$ 470 milhões) e do New York Islanders (US$ 520 milhões), também se aproveitando do grande mercado de Nova York, todas as demais franquias tiveram perda de valores em 2020.

O surto do novo coronavírus acabou sendo determinante para a queda. Levando em consideração a média geral, houve desvalorização de 2%, o primeiro índice negativo desde 2001. Já receita geral da NHL decresceu 14% no atual ano.

Confira o top-10 das equipes mais valiosas em 2020:

1) New York Rangers: US$ 1.65 bi (variação de 0%);

2) Toronto Maple Leafs: US$ 1.5 bi (0%);

3) Montreal Canadiens: US$ 1.34 bi (0%);

4) Chicago Blackhawks: US$ 1.08 bi (0%);

5) Boston Bruins: US$ 1 bi (0%);

6) Los Angeles Kings: US$ 825 mi (-3%);

7) Philadelphia Flyers: US$ 800 mi (-3%);

8) Detroit Red Wings: US$ 775 mi (-3%);

9) Washington Capitals: US$ 750 mi (-3%);

10) Vancouver Canucks: US$ 725 mi (-3%).