Conteúdo

Para analista da ESPN, retorno de Kyrie Irving é “uma desgraça”

27 de dezembro de 2021

(por Rafael Lima)
 

A polêmica reintegração de Kyrie Irving pelo Brooklyn Nets incomodou e surpreendeu muita gente. Para muitos a volta do armador foi a vitória do negacionismo. Um dos mais indignados com a NBA por permitir o retorno de Irving foi o analista da ESPN, Stephen A. Smith, que soltou o verbo.

“Essa decisão é, em síntese, uma desgraça. A NBA considera-se uma liga global, então veja que vivemos uma pandemia global. É algo, certamente, muito mais sério do que alguns desfalques no elenco de Brooklyn. Esse time está na primeira posição no Leste, tem algumas lesões e, por isso, reage assim? É um ato de covardia da equipe. Eu não poderia estar mais decepcionado, aliás”, disse Smith.

Muito da opinião do comentarista é baseada na postura de Kyrie Irving, que continua criando teorias da conspiração em relação ao sistema vacinal e ainda recebeu uma concessão da liga. “Kyrie é o último jogador para quem deveríamos fazer concessões, pois já deu várias provas de que só pensa em si mesmo. Pensa que é melhor do que todos. Trazê-lo de volta porque o seu elenco está cheio de desfalques temporários é questionável. É um tipo de resposta em curto prazo que, por fim, só vai gerar um problema maior. Qual, então, será a próxima concessão que você terá que fazer por esse cara?”, indagou Smith, que seguiu: “Kyrie é o último jogador para quem daria contrato de longo prazo porque não é alguém com quem possa contar. Ele sempre cria razões para não jogar, mas não perde um dia de pagamento no banco”, finalizou.