Conteúdo

Organizador afirma que GP de Mônaco continuará no calendário da Fórmula 1

14 de abril de 2022

(por Mattheus Prudente)

Um dos GPs mais icônicos de todo o automobilismo acontece em Mônaco, onde a Fórmula 1 corre desde 1950. Mesmo com toda essa história, foi reportado que a corrida no principado não estaria no calendário da categoria no ano que vem. No entanto, segundo o organizador do GP, isso não irá acontecer. 

“Eu quero esclarecer o que lemos na imprensa, onde dificuldades foram mencionadas para as edições depois de 2022, ou seja, para o ano que vem. Deram a entender que os preços que a Liberty Media estava pedindo eram muito caras para Mônaco e que o GP não iria mais acontecer. Isso está errado. 

Nós ainda estamos discutindo com eles e só precisamos oficializar com a assinatura de um contrato. Eu posso garantir para vocês que o GP continuará acontecendo depois de 2022. Eu não sei se o contrato será de três ou cinco anos, mas isso é apenas um detalhe.” Disse o presidente do Automobile Club de Monaco. 

Com a expansão da Fórmula 1 e outras pistas chegando no calendário na temporada que vem, alguns GPs estariam ameaçados de saírem do calendário, como é o caso da França, em Paul Ricard, e a Bélgica, no icônico traçado de Spa-Franchorchamps. Mônaco entrou nesse meio por conta do pouco lucro que o GP dá para a Liberty Media, já que tem o seu próprio Paddock Club e outros benefícios que geralmente são organizados pela F1. 

Alguns pilotos foram muito vocais contra a saída de pistas históricas da Fórmula 1, como Sebastian Vettel, que afirmou que seria “horrível” se isso acontecesse. A F1 já anunciou, na temporada que vem, as adições dos GPs de Las Vegas e do Catar, além do retorno do GP da China. Além disso, a categoria pode voltar com o GP da África do Sul, no circuito de Kyalami, a partir de 2024. 

O GP de Mônaco deste ano acontece no fim de semana do dia 28 de maio.