Conteúdo

Nick Kyrgios acusa público em Stuttgart de racismo em jogo contra Andy Murray

12 de junho de 2022

(por Mattheus Prudente)

A semifinal do torneio de Stuttgart entre Nick Kyrgios e Andy Murray tinha tudo para ser um grande jogo, mas foi manchada por um ato deplorável. O tenista australiano acusou o público na quadra de racismo, dizendo que isso o levou a perder a cabeça no segundo set contra Murray. 

“Quando isso vai parar? Eu tenho que lidar com insultos racistas do público? Eu sei que o meu comportamento nem sempre é o melhor, mas ouvir ‘sua ovelha preta, cale a boca e jogue’ não é aceitável. Quando eu respondo, eu sou penalizado. Isso é muito errado.” Disse Kyrgios. 

Kyrgios e Murray estavam fazendo um jogo muito equilibrado no primeiro set, sendo decidido apenas no tiebreak. No entanto, Nick pareceu irritado e reclamando com o público durante todo o segundo set, o que levou à uma derrota em dois sets após um 6/2 no segundo. Murray avançou para a final, onde enfrentará o alemão Oscar Otte. 

Essa não é a primeira vez que o tênis tem casos de racismo na história, já que tenistas importantes como Serena williams afirmaram já terem sofrido com o racismo durante a sua carreira. Kyrgios, que não jogava desde o torneio de Miami, retornou às quadras em Stuttgart para se preparar para jogar Wimbledon. Seu calendário deve seguir como antes. 

A ATP não se pronunciou sobre o assunto.