Conteúdo

NHL investiga Evander Kane por uso de cartão de vacinação falso contra a COVID-19

6 de outubro de 2021

(por Mattheus Prudente)

Uma das maiores polêmicas dos últimos tempos nas grandes ligas americanas é a questão da vacinação contra a COVID-19. A NHL está investigando o winger Evander kane, do San Jose Sharks, por uso de um cartão de vacinação falso contra o coronavírus, segundo a Front Office Sports. 

Em setembro, Kane foi liberado da investigação por uma acusação de apostas ilegais, mas a NHL anunciou que estava investigando o jogador por duas coisas diferentes. A Liga, então, anunciou que o jogador violou os protocolos da COVID-19, mas não se sabia, até então, qual havia sido a violação que ele havia cometido. 

Os cartões de vacinação falsos são ilegais em todo os Estados Unidos e Canadá, mas a Liga ainda não definiu punições exatas para violações das regras da COVID-19, mas essas sanções podem variar entre a desistência obrigatória do time nos jogos, multas, reembolso de dívidas, chegando até a perda de escolhas de Draft. 

Kane não está participando das atividades dos Sharks enquanto está sendo investigado, e, se for provado que o jogador não está vacinado, ele pode perder jogos em casa por conta das regras do estado da Califórnia. Ele está com contrato com San Jose até 2024-25, e não se sabe como ficará a situação contratual depois de todos esses problemas. 

Em 56 jogos na temporada passada, Kane anotou 22 gols e 27 assistências, com um plus minus de –1.