Conteúdo

Neymar marca, é vaiado o tempo todo, assim como Messi, e PSG vence Bordeaux em clima péssimo 

13 de março de 2022

(por Rafael Lima)
 

O clima no Parque dos Príncipes não era dos melhores, muitas cadeiras vazias, críticas dos torcedores após a eliminação do Paris Saint-Germain da UEFA Champions League e vaias a Messi e Neymar durante literalmente o jogo inteiro, algo poucas vezes visto numa partida de futebol.

Em campo, o Bordeaux foi com tudo para cima desde o início e com menos de um minuto Oudin obrigou Navas a fazer grande defesa. Após o escanteio, Onana cabeceou com muito perigo. Com um minuto o Bordeaux teve duas chances. 

Neymar e Messi tocavam na bola e eram muitos vaiados, o time de Paris não conseguia criar oportunidades. O jogo não fluía. Porém, aos 22 minutos, Messi tocou para Wijnaldum que com um toque genial colocou Mbappé na cara do gol para fuzilar Poussin e abrir o placar.

O duelo aumentou o ritmo. Oudin testava Navas de fora da área, enquanto Mbappé assustava Poussin. 

Sem inspiração, o jogo era arrastado e os times tinham muita dificuldade na criação e assim se desenvolveu o fraco primeiro tempo.

O PSG começou o segundo tempo com as linhas altas e trocando muitos passes. Aos 7’, Messi encontrou Hakimi em um grande passe, o lateral cruzou na área por baixo e Neymar, na área, marcou o segundo do time da casa. Porém, curiosamente, o brasileiro foi ainda mais vaiado após o gol e Neymar não comemorou. 

Aos 12 minutos, Mbappé recebeu, cruzou para Neymar, que rolou para Wijnaldum, Marcelo deu uma entrada dura e o juiz marcou pênalti. Porém, o VAR apontou impedimento de Mbappé e o lance anulado. 

Na sequência, uma jogada linda com troca de passes entre Messi, Mbappé e Neymar, o argentino passou para o compatriota Leandro Paredes, que num corte maravilhoso deixou dois defensores no chão e bateu no ângulo. Um golaço do volante! 3 a 0 para o PSG sem forçar. 

A partir daí, o confronto ficou morno, sem chances de gol para ambas as partes. Só aos 41 minutos aconteceu uma jogada emocionante. Messi conduziu a bola pelo meio, driblou e chutou de fora da área na trave. O argentino fez um grande lance, mas mesmo assim foi vaiado. 

E assim, o jogo terminou, com mais uma chuva de vaias.
 

Final: PSG 3x0 Bordeaux
 

O Paris Saint-Germain caminha firme para a conquista do título francês, porém, isso é muito pouco para essa equipe galática e a torcida não aguenta mais frustrações na Champions League, se revoltando contra as estrelas do time. A situação de alguns jogadores, principalmente Neymar e Messi, é quase insustentável, e o brasileiro em especial não deve permanecer no clube francês na próxima temporada.

A cobrança exagerada dos torcedores pode iniciar uma reformulação radical no elenco milionário do PSG e a expectativa para a atuação do time na próxima janela de transferências é enorme.