Conteúdo

Neymar faz golaço, mas perde pênalti, e PSG é derrotado pelo Nantes

19 de fevereiro de 2022

por Thiago Paixão

Uma partida que deu tudo errado para o Paris Saint-Germain no Campeonato Francês. A equipe comandada por Pochettino perdeu para o Nantes, neste sábado (19), por 3 a 1, em confronto válido pela 25ª rodada da Ligue 1. O PSG chegou a estar perdendo por 3 a 0 no primeiro tempo. Neymar marcou, mas perdeu pênalti após cobrança “esquisita” no segundo tempo.

Com o resultado, o PSG continua na liderança da competição, com 59 pontos. Já o Nantes, deu um salto na classificação que saiu da 11ª posição para a 5ª, e soma 38 pontos. 

O Jogo

O início do jogo mostrou que a defesa do PSG não iria bem na partida. Aos 2', Neymar fez um passe para Bernat, que chutou, mas o goleiro Lafont fez a defesa. No lance seguinte, foi a vez dos Nantes atacarem com maior precisão. O atacante Simon tocou a bola para Kolo Muani, que ganhou de Marquinhos na disputa e, sozinho com Navas, abriu o placar no confronto. 1 a 0 para o Nantes. 

Após o gol, as duas equipes mantiveram a partida movimentada, com ambas criando oportunidades para marcar. Messi, para o PSG, tentou aos 7', mas jogou para fora, enquanto Andrei Girotto, do Nantes, aos 11', bateu de fora da área, obrigando Navas a fazer uma defesa em dois tempos.

O goleiro Lafont foi o destaque do Nantes na primeira etapa. Ele impediu chances de Mbappé, aos 18', de Gueye, aos 25', e de Neymar, aos 27'. 

Depois de grandes chances perdidas pelo adversário, o Nantes conseguiu fazer uma nova jogada com Bukari que tocou para Merlin, que acertou um bonito chute de pé esquerdo, no ângulo de Navas. 

Nos acréscimos, em uma jogada dentro da grande área, o braço de Wijnaldum bateu na bola e o árbitro foi chamado pelo VAR para analisar o lance e o pênalti foi marcado. Blas foi para a cobrança e mandou uma bomba no meio do gol, ampliando o placar para 3 a 0. Navas não pulou para nenhum lado, mas não conseguiu defender.

Na volta do intervalo, logo no primeiro minuto, Messi achou Neymar na área. O brasileiro driblou o marcador e bateu forte de perna direita, no cantinho de Lafont, sem chances de defesa para o goleiro. O gol poderia ser o início da reação do PSG, que foi impedida por um erro do próprio Ney.

Aos 12', Mbappé subiu para o ataque em velocidade e, na frente do goleiro, deu um corte para trás. O zagueiro Appiah chegou atrasado e derrubou o francês. O árbitro assinalou pênalti, e Neymar foi para a cobrança. O brasileiro andou devagar até a bola e bateu muito fraco, facilitando a defesa do goleiro Lafont.

O PSG continuou atacando para amenizar o vexame. Aos 38', Nuno Mendes avançou pelo lado esquerdo e cruzou na grande área,  a bola encontrou Draxler, que dominou e chutou, mas Lafont estava lá para fazer a defesa. 

Na pressão em busca do segundo gol, o PSG colecionou chances perdidas com Messi e Mbappé. O camisa 7 estava cara a cara com o goleiro, mas perdeu a chance de marcar de maneira inacreditável.

Pochettino fez algumas alterações no time, com as entradas de Icardi, Dí Maria, Hakimi e Nuno Mendes. o PSG não mostrou uma reação e deixou evidente o semblante de insatisfeito, e agora soma mais uma derrota na Ligue 1.