Conteúdo

Não vacinado, Djokovic é impedido de participar dos abertos de Indian Wells e Miami

10 de março de 2022

(por Mattheus Prudente)

Os problemas com a vacinação contra a Covid-19 para Novak Djokovic continuam. Após ser impedido de participar do Australian Open por não estar vacinado contra o vírus, o tenista sérvio anunciou que está fora dos abertos de Indian Wells e Miami, além de qualquer torneio nos Estados Unidos. 

Djokovic recentemente perdeu o posto de número 1 do mundo para Daniil Medvedev, e só jogou um torneio nessa temporada devido às regras de vacinação de outros países. Ele também viu Rafael Nadal ganhar o seu 21ª Grand Slam e ultrapassá-lo como o maior vencedor de Grand Slams da história do tênis. 

O sérvio busca os poucos torneios onde as regras de vacinação sejam flexíveis, como foi o caso do que ele participou em Dubai. No entanto, os mais importantes, como Wimbledon e Roland Garros, ainda vão permitir que apenas atletas vacinados participem. Mudanças nas regras de vacinação na França, no entanto, podem permitir que Djoko jogue Roland Garros. 

Mesmo que haja essa proibição quase que completa de sua participação nos torneios, Djokovic disse que esse seria um “preço a pagar” para fazer o que ele acredita. Ele não pretende se vacinar, mesmo que exista a possibilidade de ele ficar fora de todos os Grand Slams na temporada e ver, por exemplo, Nadal continuar a sua ótima temporada. 

O torneio de Indian Wells está em andamento, enquanto o Miami Open acontece na semana do dia 21 de março.