Conteúdo

Nadal vence Berrettini, vai à final do Australian Open e se aproxima de feito histórico

28 de janeiro de 2022

(Por Leonardo Costa)

 

Implacável. Atuação digna da grandeza de Rafael Nadal. O espanhol avançou pela sexta vez na carreira à final do Australian Open e busca conquistar o bicampeonato do torneio 13 anos após vencer pela primeira vez. Caso consiga, será o primeiro tenista a conseguir 21 títulos de Grand Slam no circuito masculino, desempatando com Novak Djokovic e Roger Federer, ambos com 20.

O triunfo sobre Matteo Berrettini veio após 2h55' de partida, com parciais de 6-3/6-2/3-6/6-3, em um duelo que se mostrou desde o começo uma barreira praticamente intransponível para o italiano.

O primeiro set veio com uma quebra de Nadal logo no segundo game. Na sequência, o espanhol castigou a esquerda de Berrettini e com muito controle de quadra fechou rapidamente a parcial. No set seguinte, Nadal abriu 4 a 0, confirmando duas quebras precoces. Toda tentativa de Berrettini esbarrava em uma resposta superior do espanhol, que ficou a um set da final. 

Berrettini igualou as ações no terceiro set, momento em que Nadal errou mais do que havia feito na partida até então. No quarto set, a quebra decisiva do espanhol veio apenas no oitavo game, e no jogo seguinte veio a confirmação da vitória.

Na final, Rafael Nadal terá pela frente o russo Daniil Medvedev, que também precisou de quatro sets para eliminar o grego Stefanos Tsitsipas. Será o quinto confronto entre eles no circuito, com três triunfos para o espanhol.