Conteúdo
×

Error message

Image resize threshold of 10 remote images has been reached. Please use fewer remote images.

Nada de varrida! Em partida de 18 corridas e duas viradas, White Sox vencem a primeira contra os Astros e mantém a série viva

11 de outubro de 2021

(por Layo Lucena)

Neste domingo (10), Chicago White Sox e Houston Astros protagonizaram um duelo do jeito que o fã de beisebol adora: muitas corridas, home runs e viradas. Disputada em Chicago, um dos principais ingredientes do terceiro confronto da Divisão da Liga Americana (ALDS) foi a torcida, que impulsionou, do início ao fim, a equipe da casa, sendo um dos fatores importantes deste jogo.

Os White Sox precisavam de um resultado positivo após perderem as duas primeiras partidas da série, ambas disputadas em Houston. O início de jogo assustou os torcedores presentes, já que foi dominado pelos Astros. Porém, a partir da quarta entrada, o cenário mudou completamente.

Já os Astros entraram de cabeça neste jogo 3, para fechar a série com três vitórias seguidas, e, com o início da partida, parecia ser esse o desfecho. Com um ataque vibrante durante as três primeiras entradas, os rebatedores de Houston perderam o “gás” no decorrer do confronto, o que acabou com qualquer chance de vitória da equipe.

Início frenético; final avassalador

Os White Sox animaram a torcida ao abrir o placar logo na primeira entrada, com uma corrida de Anderson, impulsionado por Jiménez. No entanto, na segunda e terceira entrada, toda a empolgação foi abaixo com cinco corridas dos Astros. Correa e Alvarez pontuaram após rebatida dupla de Tucker. Na sequência, foi a vez do camisa 30 marcar a sua corrida e ampliar com um home run de 363 fts, impulsionando Correa. Em duas entradas, Tucker participou de todas as cinco corridas dos Astros.

Na parte baixa, os White Sox responderam com grande estilo. Grandal (359 fts) impulsionou Robert, diminuindo a diferença para duas corridas. Logo depois, Garcia (436 fts) virou para a equipe da casa, ao impulsionar Moncada e Sheets. A primeira liderança dos White Sox na partida não durou muito.

Na quarta entrada, Altuve tratou de recolocar os Astros em vantagem novamente, aproveitando uma rebatida simples de Bregman. Porém, a equipe da casa voltou com tudo ao bastão na parte baixa. Em uma sequência ofensiva, os White Sox retomaram a liderança com três corridas seguidas (Anderson, Robert e Abreu).

A partir deste momento os Astros “tiraram o pé” e não conseguiram mais criar nada ofensivamente, aceitando, de eliminação em eliminação, à derrota. O time de Chicago não quis arriscar e garantiu mais três corridas na oitava entrada, com Moncada, Vaughn e García. Vitória importantíssima dos White Sox.

Fim de jogo: Houston Astros (95-67) 6 x 12 Chicago White Sox (93-69)

Leury Garcia (White Sox): 2-5, duas corridas individuais, quatro corridas impulsionadas e um home run (436 fts)

Yasmani Grandal (White Sox): 1-3, uma corrida individual, três corridas impulsionadas e um home run (359 fts)

Kyle Tucker (Astros): 2-4, duas corridas individuais, quatro corridas impulsionadas e um home run (363 fts)

Com o resultado, o Chicago White Sox e o Houston Astros voltam a se enfrentar nesta segunda-feira (11), para disputar a partida quatro da série. Caso os Astros vencem, a série se encerra, porém, se os White Sox garantirem mais uma vitória, teremos jogo cinco, sim.