Conteúdo

Na segunda prorrogação, Smith marca e Bruins vencem Capitals em casa

20 de maio de 2021

(por Mattheus Prudente)

Pelo jogo três da primeira rodada dos playoffs da NHL, o Boston Bruins venceu o Washington Capitals no TD Garden em Boston, e passou a frente na série por 2 a 1. Pela terceira vez na série, as duas equipes foram para a prorrogação, mas, diferente do que aconteceu nas últimas vezes, eles precisaram ir além, para o segundo OT, até que Craig Smith finalizou com um gol decisivo após uma falha defensiva dos Capitals. A série continua em Boston para o jogo quatro, quando os Bruins têm a chance de voltar para Washington com a vantagem de eliminar os Caps.

Diferente do que se viu nos primeiros jogos, o cuidado defensivo foi a marca do primeiro período, mas os Bruins pareciam ter mais intensidade ofensiva, e isso culminou em mais chutes a gol para cima de Ilya Samsonov, que não entrava no gelo para um jogo desde o começo do mês. Mesmo assim, o goleiro dos Capitals segurou os primeiros 20 minutos com algumas boas defesas, e as duas equipes não conseguiram marcar.

Os Capitals finalmente tiveram uma maior força ofensiva no segundo período e, em uma jogada onde Brad Marchand falhou e teve uma penalidade boba, a equipe de Washington chegou ao primeiro gol. Numa boa jogada de Anthony Mantha atrás do gol, ele conseguiu achar Alex Ovechkin no meio, que finalizou de primeira e abriu o placar para os Caps. Pouco menos de um minuto depois, os Bruins chegaram ao empate quando Smith achou Taylor Hall, que girou e bateu no alto de Samsonov, marcando um belo gol para deixar tudo igual.

As coisas ficaram mais agitadas na segunda etapa do que foram na primeira, e muito disso se deve à melhora ofensiva dos Capitals, que só tiveram quatro chutes a gol no primeiro contra 16 na fase intermediária. A quarta linha vem sendo uma força de Washington nessa série, e eles apareceram de novo quando Garnet Hathaway partiu pela esquerda e deu um passe no meio, achando o stick de Nic Dowd, que só desviou e os Caps passaram a frente.

O terceiro período, assim como o primeiro, mostrou um maior cuidado defensivo das duas equipes, que tiveram poucas chances claras de gol, e o bom trabalho defensivo dos Capitals, principalmente contra a primeira linha dos Bruins, apareceu novamente. No entanto, mais uma vez uma penalidade boba apareceu, dessa vez contra Dowd, que deu a chance no power play para os B’s, e eles não desperdiçaram, com Marchand aproveitando o bate rebate para colocar para dentro e empatar, levando o jogo para a prorrogação.

O que se viu no primeiro tempo extra foi um Bruins mais determinado a vencer o jogo, enquanto os Capitals não conseguiam manter a concentração para responder. Os B’s terminaram este período com 17 chutes a gol, mas não conseguiram finalizar. Depois de um dump de Boston, Samsonov deixou para Justin Schultz sair jogando, mas o defensor dos Capitals errou e entregou o disco para Smith, que, num movimento rápido, finalizou contra um Samsonov fora de posição, vencendo o jogo 3.

FT/2OT: Boston Bruins 3-2 Washington Capitals (BOS lidera a série por 2-1)

As duas equipes voltam a se encontrar em Boston na próxima sexta-feira (21) para o jogo quatro.