Conteúdo

“Money Ball” deixa os Athletics para ingressar no futebol inglês

14 de outubro de 2020
18h 09

(por Diego Dias)

Billy Beane, que inspirou o filme "Moneyball" com suas estatísticas, está deixando o Oakland Athletics para atuar fora do beisebol, do outro lado do Atlântico. O executivo de 58 anos e acionista minoritário dos A's fará parte do Fenway Sports Group, grupo que controla o Liverpool da Inglaterra, além do Boston Red Sox.

Beane finalmente atuará com John Henry, presidente do grupo e proprietário tanto dos Red Sox como do clube inglês. Após a temporada de 2002, Henry tentou contratar Beane para ser o GM dos Sox oferendo um contrato lucrativo. Na época, ele acabou declinando a oferta e permanecendo em Oakland.

O método de análise de dados estatísticos avançados para a contratação e montagem de elenco de Beane foi a inspiração do filme "Moneyball", lançado em 2011. O ator Brad Pitt interpretou o executivo no longa-metragem, sucesso de bilheteria. Billy já tem conhecimento no mundo executivo do futebol: recentemente ele comprou uma pequena parte das ações do AZ Alkmaar, clube que disputa a elite do futebol holandês.