Conteúdo

Mesmo com ofertas de UFC e Bellator, Kayla Harrison assina novamente com o PFL

8 de março de 2022

(por Rafael Lima)
 

Talvez a agente livre mais quente do MMA, Kayla Harrison recebeu ofertas para se juntar ao Bellator ou assinar com o UFC, porém, a PFL anunciou que a bicampeã olímpica de judô renovou com a organização em uma extensão de contrato de vários anos.

A atleta falou ao New York Post sobre sua alegria em continuar no PFC. “Estou feliz que a free agency acabou e tenho uma luta no horizonte. Estou animada para continuar a crescer e me desafiar e ser uma das atletas mais bem pagas do esporte”. Disse Kayla.

Aparentemente, o Bellator ofereceu a ela um acordo muito lucrativo no início deste ano, mas a PFL correspondeu à oferta e Kayla decidiu que iria ficar com o que sabia e assinou com a PFL. Foi confirmado por fontes que o UFC também fez uma oferta, mas que não estava no mesmo patamar.

Harrison teve vários meses de free agency e foi muito procurada tanto pelo UFC quanto pelo Bellator. A PFL tinha o direito de igualar qualquer oferta que Kayla recebesse e aparentemente fez exatamente isso.

Fontes haviam dito anteriormente que Harrison deveria assinar com o Bellator e lutar contra Cris Cyborg em abril de 2022. É claro que agora sabemos que o acordo não aconteceu.

Harrison (12-0) é duas vezes vencedora do torneio PFL e campeã dos leves e tem como objetivo se tornar a maior lutadora feminina de MMA de todos os tempos.

Harrison conquistou seu segundo título feminino da PFL, em outubro de 2021, derrotando Taylor Guardado no segundo turno.

Natural de Ohio, Kayla treina na Flórida, na ATT (American Top Team), e está na PFL desde sua estreia no MMA em junho de 2018.

A temporada 2022 da PFL começa em abril, quando Harrison retornará ao cage para enfrentar um oponente ainda a ser determinado.