Conteúdo

Mercedes visa ‘enquadrar' Russell: "Vamos calibrar o comportamento", diz Toto Wolff

21 de setembro de 2021

(por Bruno Braz)
 

O ano de 2022 já começou na Fórmula 1. Já vislumbrando um possível problema entre Russell e Hamilton, além de não querer reviver a época de Hamilton x Rosberg, Toto Wolff disse que irá calibrar o comportamento de Russell.

Falando ao site da F1, Toto foi claro ao afirmar que quer evitar reviver problemas do passado. "Ele já provou merecer um lugar em um carro de ponta. Agora, precisamos moldá-lo à Mercedes, onde temos muita pressão. Além disso, ele terá um companheiro excepcional, que tem os maiores recordes. É muito importante calibrá-lo na direção correta”. Disse o chefe da Mercedes.

Relembrando o passado, Toto falou um pouco sobre os problemas de relacionamento entre Hamilton e Rosberg. "Vivemos isso no passado e deu errado. Lewis está conosco desde a época em que não entendemos bem a situação. Agora, estamos mais preparados para isso. Ele [Russell] quer ser campeão mundial, assim como Lewis quer outro título. É uma questão de ajustar”. Seguiu o comandante da equipe alemã. "Temos que respeitar a ambição dos outros. Não vamos dar nosso carro a um piloto que não queira vencer seu companheiro, ganhar corridas e o título. Entendo esse ponto. Falo com ele o que isso significa para a nossa dinâmica e como devemos manter o ritmo do time. Ele é inteligente e entende isso.” Ressaltou Toto. "Espero que tenhamos um carro que possa lutar por vitórias. É a nossa ambição. Poder desenvolvê-lo e lutar pelo título. Certamente ele terá o mesmo carro que Lewis. Ele tem ritmo, é rápido em classificação e vai se dar bem aqui”. Concluiu.