Conteúdo

McAvoy marca no finalzinho e Bruins vencem, Stars buscam virada com 2 gols no último período, goleada acentua crise dos Oilers e mais da quinta-feira de NHL

21 de janeiro de 2022

(Por Diego Dias)

Na rodada de quinta-feira (20) da National Hockey League, o Edmonton Oilers aumentou ainda mais sua crise ao sofrer uma estrondosa goleada para o Florida Panthers em pleno Rogers Place para frustração da torcida que, como protesto, arremessou camisas no gelo e, em certos momentos, vaiou a estrela Connor McDavid, que havia manifestado apoio na possível contratação do controverso Evander Kane.

No rink, os Oilers até tiveram volume de jogo no 1º período quando exigiram o máximo do goleiro Sergei Bobrovski e pareciam mais pertos de abrir o placar. Mas tudo mudou no 2º terço, depois que Aleksander Barkov aproveitou um power play para marcar o primeiro tento da noite, em um momento onde os Panthers começavam a ter mais o disco. O gol animou a equipe da grande Miami, que ampliou três minutos depois com Carter Verhaegue em arremate por entre as pads de Mikko Koskinen.

Florida passou a ser mais perigoso na zona ofensiva e encaminhou o resultado no período final. Radko Gudas anotou o terceiro e em seguida a unidade de power play funcionou e Anthony Duclair e Sam Bennett acenderam a lâmpada na vantagem numérica. Sem resposta e pressionado pelos irados torcedores, Edmonton ainda permitiu a Owen Tippett fechar a conta depois de rápida troca de passes na slot.

Final: Florida Panthers 6 @ 0 Edmonton Oilers


Quem deu um tempo no momento ruim foi o Dallas Stars, que encerrou uma seca de 7 jogos sem vitória como visitante ao bater o Buffalo Sabres com grande desempenho da dupla Tyler Seguin e Jason Robertson, que anotaram 2 gols cada. O defensor John Klingberg, alvo de rumores de troca, foi o garçom da partida ao dar passe para 4 gols.

Mas os texanos tiveram que suar bastante. Os Sabres tiveram alta intensidade no início e com apenas seis minutos jogados já lideravam em tentos de Rasmus Dahlin e do novato Jack Quinn. Nem o gol de power play de Jason Robertson deu o devido ânimo aos Stars, já que logo no primeiro minuto do 2º período Dylan Cozens avançou em velocidade e venceu Braden Holtby para fazer 3x1 Buffalo.

Até que, pouco tempo depois, Dallas voltou a capitalizar a vantagem numérica no rink e descontou com Roope Hintz e Seguin trouxe a igualdade ao tentar um passe e ter o disco desviado pelo goleiro Aaron Dell para dentro do gol. Alex Tuch voltou a colocar os Sabres na frente, mas o momento já era dos Stars. Mas a equipe texana ainda mostrava certa afobação na hora de concluir a gol. No último período, a ofensiva de Dallas foi recompensada outra vez nos power plays, com Seguin fazendo 4x4 e em seguida Robertson na crease decretando o triunfo texano.

Final: Dallas Stars 5 @ 4 Buffalo Sabres


Em outro confronto com virada de placar, o David Pastrnak balançou as redinhas em dose dupla, mas o heroi do Boston Bruins foi Charlie McAvoy, que marcou a 45 segundos do fim e deu o resultado aos ursos, que permitiram ao Washington Capitals buscar o empate em duas oportunidades no duelo. Foi a reabilitação de Boston após a vexatória goleada em casa pro Carolina Hurricanes na rodada anterior.

A partida começou movimentada, com os Caps inaugurando a contagem aos 4 minutos em chute quase sem ângulo de Evgenii Kuznetsov e Pastrnak respondendo segundos depois com uma linda jogada recebendo o disco de costas para o goleiro Vítek Vanecek e girando para mandar o puck pro gol vazio. O tcheco anotou seu segundo gol (e dos Bruins) aproveitando um power play no 2º período e os Bruins cresceram na partida, mas Lars Eller freou o ímpeto com um torpedo que resvalou no travessão de Linus Ullmark antes de morrer no fundo da meta.

O equilíbrio seguiu durante o último período e as equipes trocaram gols. Jake DeBrusk fez 3x2 em outra jogada de transição entre ele e Patrice Bergeron e, no minuto seguinte, Tom Wilson roubou o puck atrás do gol e passou para Nicklas Bäckström disparar de primeira sem chances a Ullmark. O overtime estava próximo quando Nic Dowd cometeu tripping a dois minutos do final e deu o power play aos Bruins. DeBrusk serviu McAvoy, que disparou da slot para a vitória.

Final: Washington Capitals 3 @ 4 Boston Bruins

Destaques da quinta-feira

Estrelas da rodada: Sergei Bobrovsky (shutout de 40SV), Darci Kuemper (40SV) e John Klingberg (4A).
Jogo da rodada: Sabres x Stars
Jogada decisiva: Gol de Shea Theodore na prorrogação.
Sinal vermelho: Flyers, derrotados pelo 10º jogo consecutivo, e Oilers, que perderam a 7ª seguida.
Sinal amarelo: Kings, que somaram o 3º revés seguido e sofrem ameaças de Ducks e Sharks.
Sinal verde: Avalanche, que venceu pela 5ª vez em sequência e pela 10ª em 11 partidas.

Outros resultados

San Jose Sharks 2 @ 3 Seattle Kraken
Colorado Avalanche
4 @ 1 Los Angeles Kings
Montréal Canadiens 3 @ 4 Vegas Golden Knights (OT)
Columbus Blue Jackets
2 @ 1 Philadelphia Flyers
Winnipeg Jets 2 @ 5 Nashville Predators
Ottawa Senators 4 @ 6 Pittsburgh Penguins