Conteúdo

Mattia Binotto confirma: "Teremos evoluções na unidade de força"

11 de agosto de 2021

(por Bruno Braz)
 

Pois é, meus amigos. Quem anda calada, trabalhando e mostrando evolução, é a Ferrari. Mattia Binotto, esclarecendo que a regra permite uma alteração de cada componente do trem de força para esse ano, comentou sobre isso. "Teremos evoluções no trem de força. As regras de 2021 permitem atualizar uma vez cada um dos componentes do trem de força - turbo, motor interno de combustão, além das baterias.” Afirmou o chefe da Ferrari.

Muitos dos times da F1 trouxeram suas evoluções dentro das regras, já no começo da temporada. A Ferrari, não."Não trouxemos tudo novo no começo da temporada. Temos componentes do ano passado. Com a evolução deles, teremos um passo importante para o final da temporada”. Comentou Binotto.

Duas das três próximas etapas (Spa e Monza) serão em pistas onde o motor faz muita diferença. Ciente disso, Binotto comentou o quanto acha que o motor atual da Ferrari fica devendo aos principais concorrentes. "Andamos 7 décimos atrás dos mais rápidos. A maior parte desse atraso está no motor. Estamos atrás da Mercedes e da Honda. Devemos ter um atraso significativo em Spa.” Concluiu o ferrarista realista.