Conteúdo

Manchester City joga abaixo do que pode, mas vence o Everton e se recupera

26 de fevereiro de 2022

(por Rafael Lima)
 

O Manchester City visitou o Everton disposto a se recuperar da derrota diante do Tottenham na última rodada. Mesmo sem brilhantismo, os Citizens atingiram seu objetivo pelo placar magro.

O City dominou o meio-campo e a posse de bola desde o início. O controle do jogo não significava chances de perigo, nos primeiros 30 minutos tivemos muita movimentação e troca de passes pelos visitantes, mas nenhuma chance clara de gol. 

Do outro lado, o Everton tentava partir rápido no contragolpe, mas não conseguia criar oportunidades importantes. Porém, aos 32’, a menor chance do jogo foi num bate e rebate na área do City, que Richarlison bateu nas mãos de Ederson. 

No último minuto do primeiro tempo, o Everton tentou em cobrança de falta perigosa de Gordon. 

O Everton voltou ofensivo para o segundo tempo, tentando pressionar os líderes da Premier League. Logo no início Richarlison perdeu uma chance incrível. O pombo saiu na cara de Ederson, escolheu o canto, mas o goleiro fechou bem o ângulo e fez bela defesa.

Aos 10’ foi o City que ficou perto do gol. Foden bateu de primeiro para grande defesa de Pickford. Na volta, Cancelo bateu consciente e o goleiro do Everton fez outra boa defesa. 

Os visitantes passaram a controlar o jogo e rondar a área do Everton o tempo todo, não deixando o time da casa respirar. Aos 19’, após cruzamento da esquerda, a bola sobrou para Stones, que chutou muito forte e fez Pickford efetuar grande defesa. 

Aos 22’ Pickford fez um milagre! Depois de bela tabela, De Bruyne bateu forte no campo e o goleiro foi buscar. No rebote, à queima roupa, Bernardo Silva bateu e Pickford defendeu de forma espetacular. Que atuação!

Dois minutos depois, Foden cabeceou na pequena área, mas a bola foi para fora. O gol do Manchester City estava amadurecendo. 

De tanto martelar, aos 36’ Bernardo Silva fez ótima jogada pela esquerda e cruzou por baixo, Keane falhou feio e a bola sobrou para Foden que fuzilou sem chances para Pickford. 1 a 0 para o Manchester City. 

Aos 39 minutos uma infelicidade incrível de Rodri foi salva por um impedimento. O meio-campista não conseguiu dominar a bola e esticou o braço para dominar a pelota dentro da área, cometendo um pênalti pra lá de bobo.  Porém, o jogador foi salvo porque o VAR viu um impedimento do ataque do Everton anterior ao lance.

Os donos da casa continuaram tentando correr atrás do prejuízo, mas o time não conseguiu criar nenhuma chance clara para empatar. 
 

Final: Everton 0x1 Manchester City
 

O Manchester City jogou abaixo do que pode, contou com uma falha incrível do zagueiro do Everton, mas conseguiu atingir seu objetivo, colocando seis pontos de frente em relação ao vice-líder Liverpool, que possui um jogo a menos. 

A imensa posse de bola, mascarou um pouco a falta de criatividade do time de Pep Guardiola, porém, após se reencontrar com a coluna das vitórias, o City ganha tranquilidade para a sequência das rodadas. 

Com a derrota, o Everton segue flertando com a zona de rebaixamento, porém, os Toffees possuem dois jogos a menos que a maioria de seus adversários diretos.