Conteúdo

Kreider marca duas vezes, Rangers goleiam Canes e estão nas finais de conferência

31 de maio de 2022

(Por Diego Dias)

Em sua melhor atuação na série, o New York Rangers foi agressivo na zona defensiva e preciso quando esteve no ataque e venceu com categoria o Carolina Hurricanes em Raleigh, encerrando a série invicta dos Canes em casa nestes playoffs e fechando a série em 7 jogos. Os Blueshirts garantem um lugar nas finais da conferência Leste depois de 7 anos, onde coincidentemente enfrentarão o adversário de 2015, o Tampa Bay Lightning.

Chris Kreider mostrou que sabe jogar jogos decisivos e anotou dois gols, um deles limpando o goleiro antes de mandar pras redinhas. Adam Fox, que também deixou o seu e deu o passe para outro, chegou a 10 pontos em partidas de eliminação nesta pós-temporada.

No gol, Igor Shesterkin teve outro desempenho brilhante e salvou 37 disparos. Já Antti Raanta defendeu 16 chutes antes de deixar o rink após sentir a perna no 2º período. Piotr Kochetkov o substituiu e fez 9 intervenções em 12 chutes sofridos.

Como de costume, os Hurricanes tiveram a iniciativa da partida, exigindo boas defesas seguidas de Shesterkin. Mas com menos de dois minutos de puck deslizando Sebastian Aho deu um power play aos Rangers, que agradeceram com disparo de Fox para abrir o placar. Trouba retribuiu cometendo high sticking e deixando Carolina com vantagem no gelo, mas Igor e o sistema defensivo estavam bem postados e mataram a penalidade. Os nova iorquinos eram perigosos nas transições de ataque e ampliaram em outro power play, aproveitado pelo oportunista Kreider ao desviar no tapinha um arremate de Mika Zibanejad do círculo esquerdo.

A boa vantagem deu ainda mais segurança para os Rangers, que quase não tiveram grandes sustos no período. A melhor chance dos Canes foi com Teuvo Teravainen, que disparou da slot e Igor salvou com a pad.

O jogo seguiu na mesma toada no 2º período. Até que a 5 minutos do fim Raanta fez a defesa e deslizou pra fora da crease. Ao tentar se recompor rapidamente, o finlandês torceu a perna e ficou no chão, tendo que deixar o rink direto para os vestiários. Kochetkov assumiu a meta e foi "recepcionado" por disparo de Ryan Strome em rápido contrataque pela esquerda para colocar 3x0 no placar.

Carolina sentiu o momento e viu a situação ficar ainda mais irreversível quando Kreider pegou o disco na zona neutra e avançou pela esquerda para sair na cara de Kochetkov e cortar pra direita antes de completar pro gol vazio. Um golaço para estabelecer a goleada. Os Canes ainda tinham boa presença no ataque e descontaram em power play com Vincent Trocheck chutando da slot congestionada. No entanto, 40 segundos depois Kaapo kakko roubou o disco e serviu Filip Chytil que, de frente pro gol, não desperdiçou e anotou o quinto dos Blueshirts.

Já nos últimos minutos, Martin Necas disparou pro gol vazio e Fox salvou em cima da linha. Mas na sequência Max Domi recebeu passe de Jordan Martinook e no slapshot bateu Shesterkin, fazendo o segundo dos Canes. Houve tempo ainda para Andrew Copp selar o triunfo no empty net em outro breakaway.

Final: New York Rangers 6 @ 2 Carolina Hurricanes (NYR vence 4-3)

Nova York terá o mando de gelo na série diante dos atuais bicampeões. O primeiro jogo acontece já nesta quarta-feira (01) no Madison Square Garden.