Conteúdo

Khabib Nurmagomedov dispensa comparações com Charles Oliveira: “Ninguém nunca tocou no meu rosto, e o tempo todo ele cai” 

19 de maio de 2022

(por Rafael Lima)
 

O ex-campeão peso leve do UFC Khabib Nurmagomedov não acredita que Charles Oliveira esteja na mesma conversa que ele em relação a melhor de todos os tempos na categoria.

Em 2017, seria difícil acreditar que Oliveira, que ostentava um recorde de 10-8-1 no UFC na época, seria mencionado em discussões divisionais do GOAT apenas cinco anos depois. Mas, após 11 vitórias consecutivas, é exatamente aí que “Do Bronx” se encontra.

Depois de garantir uma chance de ouro com vitórias sobre Kevin Lee e Tony Ferguson, Oliveira forneceu uma coroação memorável quando nocauteou Michael Chandler em maio do ano passado. A partir daí, ele finalizou enfaticamente Dustin Poirier e Justin Gaethje.

Embora ele possa ter perdido o cinturão devido ao estouro de peso no UFC 274, o ressurgimento, a forma e o talento de Oliveira são inegáveis. Mas nem todos estão muito impressionados. Durante uma entrevista com Brett Okamoto, da ESPN MMA, a lenda do UFC, Khabib Nurmagomedov, observou que Oliveira tem sido constantemente derrubado por golpes em seus duelos recentes.

“Ele me impressionou um pouco. Mas, a cada luta ele cai”, lembrou Khabib. “Isso é um pouco ruim para ele. A cada luta ele cai, duas vezes. Última luta, foi quantas vezes? Duas, três vezes derrubado? (Contra) Michael Chandler, Dustin Poirier, com Justin Gaethje; ele sempre desce.” Seguiu.

Citando isso como prova, Khabib praticamente riu daqueles que comparam Oliveira com seu próprio legado forjado antes de sua aposentadoria. O russo, amplamente considerado como um dos principais candidatos no debate geral do GOAT, pendurou as luvas após sua vitória por finalização em 2020 sobre Gaethje. Antes disso, “The Eagle” havia defendido o ouro dos leves contra Poirier e o ex-campeão de duas divisões, Conor McGregor.

Tendo se aposentado não apenas com um cartel impecável de 29-0, mas também com pouco ou nenhum dano, Khabib não entende a lógica por trás das comparações com Oliveira, que caiu oito vezes dentro do octógono para derrotar seus últimos adversários. “Ninguém nunca tocou no meu rosto, e o tempo todo ele cai. As pessoas não podem me comparar com Charles Oliveira”, afirmou Khabib. “Ele caiu no UFC oito vezes, por favor, vamos lá. Quando ele (perdeu para) Jim Miller, Anthony Pettis, Holloway, Felder, foi Charles Oliveira; não era Khabib.”, disse o ex-campeão.

“Se você quer merecer um nome como o maior peso leve, ele tem que vencer Islam (Makhachev), Beneil (Dariush), mais alguns caras. Então podemos conversar”, acrescentou Khabib. “Ele tem que ser profissional, bater o peso quando tem cinturão de campeão.” Cutucou Khabib.

No entanto, Khabib reconheceu que a capacidade de Oliveira de mudar sua carreira tem sido impressionante. Mas enquanto esse pode ser o caso, o atleta do Daguestão acredita que “Do Bronx” tem muito a fazer antes de entrar na conversa do GOAT, incluindo registrar uma vitória sobre seu protegido, Islam Makhachev.

“O que ele está fazendo é muito impressionante. Isso é muito impressionante, como ele volta de tantas derrotas, e agora ele tem um bom chão (jogo), ele tem um bom jogo de trocação, joelhadas, cotoveladas, chutes. Ele parece bem”, admitiu Khabib. “É por isso que quero vê-lo contra o Islam. Este é um grande teste para ambos.” ressaltou o Eagle.

Se acreditarmos no ex-campeão Daniel Cormier, talvez Oliveira consiga provar sua superioridade sobre Khabib dentro do cage. “DC” sugeriu recentemente que o brasileiro poderia atrair “The Eagle” da aposentadoria, adicionando uma derrota ao recorde de Makhachev.