Conteúdo

Jogo feio em Kansas City, vitória apertada dos Chargers e show de James Conner; Confira o que aconteceu nos jogos dos segundo horário deste domingo (7)

7 de novembro de 2021

(por Rafael Lima)
 

Depois de um primeiro horário repleto de zebras, elas não voltaram mais, porém, não vimos jogos de alto nível conforme o esperado. 

Chiefs voltam a jogar mal, mas vencem os Packers sem Rodgers

O Arrowhead Stadium recebeu dois dos favoritos ao título da NFL, porém, o que se viu foi um jogo fraco tecnicamente com as defesas tomando conta da partida. 

O Green Bay Packers tinha a desculpa de não contar com Aaron Rodgers, deixando o comando do ataque nas mãos de Jordan Love, que anotou um touchdown e uma interceptação, lançando para 190 jardas. Já os Chiefs vinham com Patrick Mahomes e toda a sua artilharia, porém, realmente o time anda em má fase. O quarterback que já foi a sensação da liga passou para apenas 166 jardas e um TD. 

Logo no primeiro período os Chiefs abriram o placar com Travis Kelce, dando a impressão de que o time atropelaria Green Bay. Mas o que se viu foi um ataque errático e pouco criativo, funcionando mais no jogo terrestre e na exploração de Kelce. De toda forma o time da casa levou um 13 a 0 para o intervalo. 

Daí em diante os Chiefs não produziram mais nada e Green Bay, sem forças para reagir, anotou apenas o TD de honra com Lazard. Muito pouco para um jogo que trazia grande expectativa quando a tabela foi divulgada antes da temporada.

Final: Green Bay Packers 7-13 Kansas City Chiefs

 

Chargers vencem Eagles, fora de casa, nos segundos finais

O Los Angeles Chargers, após a derrota na semana anterior para o New England Patriots, acendeu o sinal amarelo na temporada. Justin Herbert havia sofrido dois turnovers na semana passada e, desta vez, resolveu mostrar o motivo de ser um dos QBs mais promissores da liga. Herbert completou 32 de 38 passes, lançando para 356 jardas, dois touchdowns aéreos e um terrestre. O alvo principal do quarterback foi Keenan Allen, que teve 12 recepções para 104 jardas.

Do outro lado os Eagles, que vem baixa na temporada, viram Jalen Hurts ter uma performance bem abaixo do que pode produzir (1 TD). Apesar disso, o jogo terrestre de Philly funcionou com Jordan Howard, que correu para 71 jardas e um TD.

O duelo foi muito equilibrado, no primeiro tempo muitos punts e poucos pontos. Um TD para cada lado e um field goal de Jake Elliott no final para colocar os Eagles na frente. 

Já na segunda metade os ataque passaram a trabalhar melhor. Em duas campanhas o time pontuou com um FG e um TD (Donald Parham Jr.), esse com erro de extra point. 

A partida ficou emocionante, lá e cá. Gainwell virou com as pernas, mas Justin Herbert, também correndo, recolocou os visitantes na frente, com uma conversão de dois pontos para Jared Cook. Jalen Hurts colocou emoção no jogo passando para DeVonta Smith empatar o jogo em TD que levantou as arquibancada, porém, a ducha de água gelada em Philadelphia veio em um field goal de Dustin Hopkins, de 29 jardas, deixando apenas cinco segundos para os anfitriões.

Final: Los Angeles Chargers 27-24 Philadelphia Eagles

 

James Conner chama o jogo para si e Cardinals vencem Niners com tranquilidade

O Arizona Cardinals tinha desfalques pesados. Nada menos que Kyler Murray e DeAndre Hopkins não atuaram para tratarem de lesões. Enquanto isso, do outro lado, os Niners contavam com o retorno do excelente George Kittle, que voltou muito bem com seis recepções para 101 jardas e um touchdown.

Apesar disso, o que se viu foi o controle total do Arizona. James Conner anotou dois touchdowns no primeiro quarto para abrir 14 a 0 rapidamente. Se aproveitando de um turnover, os visitantes abriram 17 pontos com Matt Prater, encaminhando a vitória ainda no primeiro tempo. 

Antes do intervalo Kittle anotou seu TD, na primeira boa campanha dos 49ers, dando esperanças para a torcida após o descanso. Porém, faltou combinar com Conner, que anotou o seu terceiro TD no jogo. E, se não bastasse, novamente o jogo terrestre funcionou e Eno Benjamin invadiu a endzone. 

Os Niners melhoraram no “garbage time”, mas o confronto já estava perdido.

Final: Arizona Cardinals 31-17 San Francisco 49ers