Conteúdo

JJJ mata bola nos segundos finais e Grizzlies vencem Jazz em final eletrizante

23 de novembro de 2021

(por Diego Dias)
 

O Memphis Grizzlies se recuperou da dura derrota sofrida em seu último compromisso e mostrou poder de reação para bater o Utah Jazz em plena Vivint Smart Home Arena.

Uma cesta de três pontos de Jaren Jackson Jr a 6 segundos do soar da sirene deu o triunfo aos Grizzlies no primeiro embate entre as equipes desde os playoffs da temporada passada. JJJ fechou a noite com 26 pontos e 8 rebotes, além de 2 roubadas de bola e 2 tocos. O segundanista Desmond Bane teve 28 pontos (career-high) chutando 4 de 8 de longa distância, mas o principal pontuador da equipe do Tennessee foi uma vez mais Ja Morant com seus 32 pontos e 7 assistências.

Do lado de Utah, Bojan Bogdanović acertou 7 cestas de três pontos e somou 24 pontos. Rudy Gobert deixou 23 pontos e 13 rebotes para obter o double-double e Donovan Mitchell beirou os duplos com 18 pontos e 8 assistências, mesmo número de passes de Mike Conley (19 pontos).

O duelo foi bastante equilibrado ao longo da primeira metade. Memphis chegou a se impor nos minutos iniciais do 1º quarto em cestas consecutivas de Bane, mas não demorou para o Jazz assumir o controle na virada para o período seguinte em meio à performance de Gobert nos dois lados de quadra, cravando na ponte aérea em passe de Conley e em seguida rejeitando tentativa do reserva John Konchar, e às boas cestas de Rudy Gay de média e longa distância. Mesmo assim, a diferença se manteve abaixo dos dois dígitos em todo o tempo, com Utah liderando por seis (60x54) após 2 períodos.

A equipe da casa voltou forte para o 3º quarto e logo colocou dez de vantagem em cestas certeiras de Conley e Royce O'Neale. Morant, do lado oposto, desperdiçava as chances. Mas os Grizzlies contavam com as mãos calibradas de Bane e Jackson para se manterem próximos (96x92) na ida para o 4º período.

Nos instantes finais, Memphis conseguiu cortar ainda mais a diferença e passou à frente com bandeja de Morant. O mesmo Morant seria bloqueado por Gobert no ataque seguinte e o Jazz passou à frente em tiros de Bogdanović do perímetro a menos de 2 minutos do fim. Foi quando a defesa de Memphis apareceu e não permitiu mais que Utah pontuasse, ao passo que lances livres convertidos por Ja e Jaren deixaram 2 pontos de diferença. A dupla decidiu o resultado na posse seguinte, com o armador servindo o ala para converter a cesta da vitória. Mitchell ainda tentou bater o relógio no stepback, mas sem sucesso.
 

Final: Memphis Grizzlies 119 @ 118 Utah Jazz
 

Memphis recebe o Toronto Raptors enquanto Utah visa retomar o caminho das vitórias visitando o Oklahoma City Thunder nesta quarta-feira (24).
 

As "fastbreaks" da segunda-feira

- Giannis Antetokounmpo (8 rebotes, 9 assistências) somou apenas 12 pontos, mas ainda assim o Milwaukee Bucks não teve dó do Orlando Magic e chegou à quarta vitória seguida com direito a fazer história com a maior margem de pontos na história da franquia em um único tempo, 41 pontos (77x36), que acabou mantida durante praticamente toda a partida. Os atuais campeões seguem imbatíveis quando o trio Giannis, Jrue Holiday (18 pontos, 2 roubos) e Kris Middleton (12 pontos) está em quadra. O alemão Moritz Wagner foi o único alento de Orlando ao ser o principal pontuador da jogo com 18 pontos, assim como Jrue;

- Uma cesta de três pontos de Terry Rozier a 12 segundos do fim foi decisiva para a vitória do Charlotte Hornets mesmo com o Washington Wizards descontando uma diferença que chegou a ser de 17 na segunda metade de jogo, ficando em apenas 2 (105x103) depois que Kentavious Caldwell-Pope matou uma bola do corner na posse anterior. Rozier terminou com 32 pontos e acertou 8 cestas do perímetro enquanto LaMelo Ball (7 assistências e 3 roubos) contribuiu com outros 28 pontos e 13 rebotes. Os Wizards tiveram o double-double de Montrezl Harrell de 24 pontos e 18 rebotes e os 17 pontos e 18 de KCP (4 roubos) e Bradley Beal (7 rebotes e 9 assistências) como os melhores momentos da equipe, terceira colocada na conferência Leste;

- O Cleveland Cavaliers bem que lutou bastante, chegando a liderar a maior parte da disputa. Mas o Brooklyn Nets, que teve o retorno de Kevin Durant ao lineup, reagiu a partir do 3º quarto e alcançou a sexta vitória em 7 jogos. Os 27 pontos de KD (3 tocos) e os duplos de James Harden (14 pontos e 14 assistências, além de 3 roubos de bola) e do reserva LaMarcus Aldridge (21 pontos e 11 rebotes) se sobressaíram ao belo desempenho do trio dos Cavs formado por Darius Garland (24 pontos e 11 assistências), Lauri Markkanen (22 pontos) e o ex-Net Jarrett Allen (20 pontos e 15 rebotes), além do bancário Ricky Rubio, autor de 16 pontos e 7 rebotes.
 

Outros resultados:

Orlando Magic 92 @ 123 Milwaukee Bucks

Charlotte Hornets 109 @ 103 Washington Wizards

Brooklyn Nets 117 @ 112 Cleveland Cavaliers

Philadelphia 76ers 102 @ 94 Sacramento Kings

Indiana Pacers 109 @ 77 Chicago Bulls

Phoenix Suns 115 @ 111 San Antonio Spurs

Houston Rockets 90 @ 108 Boston Celtics

Minnesota Timberwolves 110 @ 96 New Orleans Pelicans

Oklahoma City Thunder 101 @ 113 Atlanta Hawks