Conteúdo

Hudson revela ter feito força para permanecer no Cruzeiro

26 de junho de 2022

(Por Igor de Paiva)

Com a recém aposentadoria do futebol, o volante Hudson comentou ter ficado chateado com a sua saída do Cruzeiro no fim de 2017. O clube mineiro tinha acabado de vencer a Copa do Brasil daquele ano, título em que o jogador foi muito importante.

"Cara, eu não posso negar que eu gostaria muito de ter ficado no Cruzeiro, a gente fez força para ficar.", explicou o jogador em um programa de TV.

Ainda sobre o passado, o fato do clube contratar um jogador mais velho e com o pagamento à vista são mais dois motivos para Hudson se mostrar triste com a sua saída.

“Foram situações de interesse da diretoria que estava assumindo, de fazer um negócio com outro jogador. Eles falaram para mim: 'Hudson, é difícil investir 4 milhões num jogador de 29 anos'. E eu lembro que o São Paulo ainda ia parcelar de cinco ou seis vezes. O São Paulo ainda deu um desconto a mais no valor que estava fixado (no contrato com opção de compra), mas aí enrolou e não fechou”, comentou Hudson.

Sobre a sua passagem no Cruzeiro, o volante comenta que viveu o auge técnico no clube de minas.

“Foi o ápice, o auge, tanto técnico, quanto de amadurecimento mental. (...) Foi maravilhoso, a torcida o tempo todo me recebeu muito bem. A gente tinha um baita grupo de vestiário, fenomenal. Conheci uns caras que vou levar para a vida inteira. Um título marca a carreira do atleta, e eu joguei muito naquele título, participei de momentos importantes, que aí deu mais ênfase. Foi um ano, mas parece que foram 10”, concluiu.