Conteúdo

Henry Cejudo se reúne com o UFC mirando uma luta contra Aljamain Sterling no retorno

25 de abril de 2022

(por Rafael Lima)

Por mais de um ano, Henry Cejudo vem provocando um retorno ao MMA, com foco em lutar com o campeão peso-pena Alexander Volkanovski e buscar um terceiro título do UFC para fazer história.

Infelizmente para Cejudo, ele não vem ganhando muita força. Tanto Volkanovski quanto o presidente do UFC, Dana White, derrubaram o “Triple C”, dizendo que ele precisaria voltar a entrar no “pool” de testes da USADA antes que eles pudessem começar a falar sobre isso, e que mesmo que o fizesse, ele ainda precisaria lutar antes para ganhar uma chance de título. Bem, Cejudo já fez a primeira parte, e agora parece que está querendo seguir na segunda, e em sua antiga categoria de peso.

No fim de semana, o empresário de Cejudo, Ali Abdelaziz, postou uma foto em sua conta no Twitter de Cejudo se encontrando com os principais dirigentes do UFC, Hunter Campbell e Sean Shelby, emitindo um aviso para a divisão peso-galo do UFC. Pouco depois, o próprio Cejudo se juntou, deixando claro que seu primeiro alvo pretendido em seu retorno mudou de Volkanovski para o campeão dos galos, Aljamain Sterling.

Sterling e Cejudo já estiveram nesta situação de desafio antes. Depois que Cejudo conquistou o título dos galos sobre Marlon Moraes, em 2019, Sterling pediu uma chance pelo título contra o campeão, mas acabou sendo preterido em favor de Dominick Cruz. Cejudo então se aposentou do esporte e Sterling conquistou o título de forma controversa quando Petr Yan lhe deu uma joelhada ilegal na cabeça no UFC 259. Desde então, embora seu foco tenha sido principalmente em Volkanovski, Cejudo falou repetidamente sobre Sterling e Yan. Mas, com Sterling vencendo a revanche com Yan no UFC 273, há apenas um caminho a percorrer para Cejudo, e o campeão peso-galo parece pronto para isso.
Após sua vitória sobre Yan no início deste mês, Sterling deixou claro que queria tirar uma folga, mas quando voltasse estaria disposto a lutar contra T.J. Dillashaw ou Henry Cejudo, se o “Triplo C” realmente estivesse voltando. E com o ex-detentor do cinturão aparentemente percebendo que isso é o que ele precisa fazer para o UFC finalmente deixá-lo perseguir seu sonho de ganhar um terceiro título na organização, poderemos finalmente assistir a esse grande combate.