Conteúdo

Hamilton está sob investigação e pode ser desclassificado da Sprint Race

12 de novembro de 2021

(por Bruno Braz)

Quando a maré não está boa, ela não está boa. Em vistoria técnica, o delegado técnico Jo Bauer encontrou uma irregularidade na asa traseira do carro de Hamilton, que fere o artigo 3.6.3 das regras técnicas da F1.

O problema, resumidamente, é que a abertura da asa traseira estava gerando um espaço maior que o permitido pelo regulamento, dando algum ganho em velocidade de reta.

O delegado técnico passou a inconformidade para os comissários, que deverão julgar o caso.

O regulamento, neste sentido, é claro: não existe meio termo ou perda de posições. A penalidade é a desclassificação.

O que me chama a atenção, é que o carro de Bottas não teve o mesmo problema detectado.

De acordo com a revista alemã Auto Motor und Sport, a análise se deu após um protesto da Red Bull.

Em se confirmando a punição, Hamilton largará na sprint race da vigésima e última posição, colocando uma pá de cal em suas pretensões de ser o campeão de 2021, dificultando demais sua luta pelo título de 2021. Ainda restará ao piloto, perder cinco posições no grid de largada, de acordo com a posição de pista obtida no fim da corrida sprint.