Conteúdo

Gilbert Durinho discorda de queda para o 2º lugar no ranking dos meio-médios

22 de setembro de 2020
20h 20

(por Rafael Lima)

O brasileiro Gilbert “Durinho” Burns, não se conformou com a queda para o segundo lugar no ranking meio-médio do UFC. A mudança de posição ocorreu após a vitória de Colby Covington diante de Tyron Woodley no último sábado (19/09), por nocaute técnico no quinto round.

Segundo Durinho, vencer o quinto colocado (agora sétimo) não pode credenciar Covington ao primeiro lugar. “Você deve estar brincando comigo! Venci Woodley quando ele era n°1, então Colby veio assistir minha luta, fez o que eu fiz, e agora ele está acima de mim? Ele acabou de vencer o número 5 e um cara vindo de duas derrotas sem alma! Quem faz esta classificação? Dana White, envie-me o contrato o mais rápido possível”. Reclamou o brasileiro em mensagem no Twitter.

Enquanto Burns caiu, os brasileiros Johnny Walker e Mackenzie Dern, subiram para a 10ª e 14ª posições em suas categorias (meio-pesado e palha-feminino), respectivamente.