Conteúdo

Francis Ngannou reclama de seu atual contrato e faz exigências para renovar com o UFC

14 de janeiro de 2022

(por Rafael Lima) 
 

Francis Ngannou deseja um bom aumento salarial para renovar contrato com o UFC. O campeão peso-pesado fará sua última luta sob o acordo atual no UFC 270, onde defenderá o cinturão linear da categoria diante de Ciryl Gane. 

Faltando pouco tempo para o seu próximo combate, Ngannou deixou claro que acha que é muito mal pago pelo Ultimate. O campeão disse “não”, quando perguntado se continuaria a lutar sob os mesmos moldes financeiros atuais. “Não vou mais lutar por US$ 500.000 [ou] US$ 600.000. Acabou. Eu aceitei essa luta por motivos pessoais, porque quero ter certeza de que, independentemente de ser justo, poderei dizer que completei as lutas.” Disse o camaronês.

À medida que se aproxima a noite da luta, parece que Ngannou está se chegando perto de uma possível saída do UFC. Ele não está satisfeito com a promoção há meses, talvez anos, e agora que é o campeão, ele acredita ter mais voz.

Francis também disse que quer lutar boxe, algo que ele espera poder fazer mesmo se tiver um contrato com o UFC. “100% [preciso lutar boxe]”, disse Ngannou. “Estamos discutindo há anos. Parece que eles estão bem com isso. Vamos ser honestos, eu acredito que o que quer que você esteja fazendo – seja qual for o evento – se o UFC estiver envolvido, isso só vai torná-lo maior. Não há dúvida. Então, sim, se eu lutar boxe, gostaria que o UFC estivesse a bordo. Honestamente, a única razão pela qual estamos aqui é que, em algum momento, não havia boa fé nisso. Não entendo por que não podemos chegar a um acordo.” Completou o campeão.

Por enquanto, Ngannou está focado em defender seu cinturão contra seu ex-companheiro de equipe Gane, em Anaheim, no próximo sábado. Se ele vencer, o status do contrato de Ngannou será algo para ficar de olho.