Conteúdo

Flamengo chega a Montevidéu depois de frustração e foca no Tri da América

24 de novembro de 2021

(Por Isaac Simões)

É impressionante como o Flamengo consegue criar “pequenas crises” em momentos decisivos de sua história. O empate frustrante com o Grêmio em Porto Alegre, na terça-feira (23), irritou o torcedor rubro-negro e reacendeu a dúvida sobre as capacidades de Renato Gaúcho à frente da equipe em meio a semana da final da Libertadores.

A confiança recuperada na semana anterior, após a sequência de vitórias sobre Bahia, São Paulo, Corinthians e Internacional, dava indícios que aumentaria na arena gremista, quando Vitinho marcou o segundo do Fla, já no segundo tempo da partida pelo Brasileirão. Aliás, o atacante tão criticado pela maioria dos torcedores mais uma vez provou que é um bom reserva e, que em muitas ocasiões, pode ajudar a definir um placar.

Renato preferiu tirá-lo para recuar o time, colocando Piris da Motta em campo. E em clima de “já ganhou”, o Fla caiu no gramado e viu os gaúchos empatar e, porque não dizer, quase virar o jogo, frustrando torcedores no Brasil e os já presentes em Montevidéu.

O fato é que o Flamengo desembarcou no Uruguai nesta quarta-feira (24) sem ter direito a “oba oba”, além de uma certa rusga com o torcedor. Claro que até o próximo sábado (27), o clima terá mudado e o discurso de confiança vai prevalecer entre os rubro-negros. 

Há supersticiosos que até preferiram não sair do Brasil com mais uma vitória, mantendo assim os jogadores com os pés no chão. Mas os impactos de mais um tropeço na reta final do Brasileirão só serão conhecidos depois da decisão da Libertadores.

Em campo, Renato Gaúcho ganhou mais uma dúvida para montar o time que enfrenta o Palmeiras. Isla sentiu um desconforto em Porto Alegre e pode ser desfalque. Matheuzinho, poupado contra o Grêmio, assumiria a posição dando mais velocidade ao lado direito defensivo. A escalação ou não de Arrascaeta no início segue como incógnita, enquanto David Luiz e Rodrigo Caio estão bem e formarão a dupla de zaga titular do Mengão.

O resto do time está na boca dos torcedores, tanto de Flamengo quanto de Palmeiras, e não deve fugir de Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, David Luiz e Filipe Luís; Arão, Andreas, Éverton Ribeiro e Arrascaeta (Michael); Bruno Henrique e Gabigol.

O Flamengo ainda treina no Uruguai até sexta-feira (26). Chance para Renato refletir sobre suas decisões ao longo dos jogos, consertar os espaços deixados na defesa e manter o foco total em busca do Tri da América para ele e o Flamengo.