Conteúdo

Esquenta UFC "Silva vs Hall” - Confira os principais destaques do evento deste sábado (31/10)

31 de outubro de 2020

(por Leonardo Costa)

Como de costume, neste sábado (31) teremos mais um evento do UFC. Neste card Anderson Silva medirá forças contra Urial Hall. O embate marcará, provavelmente, a última luta do icônico brasileiro na carreira. A co-luta principal do evento é pelos penas, entre o invicto Bryce Mitchell e o perigoso Andre Fili. O outro brasileiro no evento é Thiago Moisés, que abre o card principal contra Bobby Green, e o esquenta das principais lutas você acompanha aqui.


Anderson Silva x Uriah Hall

Anderson Silva é um dos maiores lutadores da história do MMA e do UFC. São 44 lutas na carreira, com 34 vitórias, 20 delas por nocaute. Marcou época como um dos lutadores mais dominantes dos médios, vencendo 17 lutas seguidas e defendendo o cinturão por 10 vezes. Sua derrota para Chris Weidman no UFC 162 foi uma das maiores surpresas do organização, e sua lesão contra o próprio Weidman na tentativa de revanche chocou o mundo. Desde então, Spider lutou seis vezes, com 4 derrotas, 1 no contest e apenas uma vitória, sobre Derek Brunson.

Finalista do TUF 17, em que foi surpreendido por Kelvin Gastelum, o jamaicano Uriah Hall viveu uma carreira de altos e baixos no UFC, porém, vem de duas vitórias seguidas, três em suas últimas quatro lutas, e contra Anderson Silva espera seguir o embalo. De suas treze vitórias na carreira, Hall venceu nove por nocaute, mas em sua última luta no UFC, derrotou o brasileiro Antônio 'Cara de Sapato' por decisão dividida.

Hall vai ter pela frente um lutador de 46 anos, que tem em sua velocidade em reflexos suas maiores qualidades. Por mais que sejamos saudosistas e lembremos do show que Anderson Silva dava no octógono, o brasileiro está anos-luz distante daquele tempo, e talvez a aposentadoria já deveria ter sido feita. Entretanto, por mais que Hall saiba das debilidades que o tempo trouxe para seu rival, ele deve ser precavido e não se arriscar tanto, buscando ataques mais pontuais, muito devido à memória do que Spider já mostrou. Não estamos dizendo que Anderson Silva não possa sair vitorioso, mas é mais plausível apostar em um lutador quase 10 anos mais jovem e que vem de triunfos consecutivos como favorito. Independente do resultado, Anderson "The Spider" Silva marcou uma geração.


Bryce Mitchell x Andre Fili

Andre Fili assinou com o UFC em 2013, quando tinha apenas 23 anos e era considerado umas das promessas do esporte. Estreou bem contra Jeremy Larsen, mas logo em seguida perdeu sua sequência de oito vitórias consecutivas contra o futuro campeão dos penas, Max Holloway. Desde então, tem um recorde de 8-5, e agora, com 30 anos, vem de vitória por decisão dividida contra Charles Jourdain, e somente a vitória pode fazer com que conquiste um lugar no top-15 da divisão.

Ocupando justamente a 15ª colocação do ranking dos penas, Mitchell ainda não sabe o que é perder em 13 lutas disputadas (sem contar com a derrota no TUF em 2018), 4 delas no UFC, incluindo uma grande finalização contra Matt Sayles. Importante ressaltar que o lutador ainda não nocauteou nenhum adversário, sendo que finalizou 9 rivais. Seu último triunfo foi contra Charles Rosa no UFC 249, e mais uma vitória coloca o jovem de 26 anos no radar dos tops divisão.

A julgar pelo cartel de cada lutador, Mitchell entra como favorito diante de um lutador que sofreu para se manter com uma certa consistência. Porém, Fili lutou contra alguns dos melhores da divisão, como Holloway, Yair Rodriguez e Calvin Kattar, por exemplo, todos eles rivais com um nível acima do apresentado por Mitchell até o momento. Fili pode não ter se estabelecido na parte alta dos penas, mas Mitchell precisará mostrar mais do que já fez para sair com a vitória.


Bobby Green x Thiago Moises

Um dos lutadores que melhor aproveitou a sequência de eventos em 2020 foi Bobby Green, que entrou no octógono três vezes apenas nesse ano e saiu vitorioso em todas. Thiago Moisés vem de vitória sobre Michael Johnson em um distante card Smith x Teixeira em maio de 2019. O brasileiro entra em desvantagem no duelo, contra um kickboxer afiado e em grande momento, e por mais que Thiago queira levar a luta para o chão, precisará passar pela sólida defesa de queda de Green. Para sair vitorioso, Thiago precisa apresentar mais do que já mostrou no octógono, mas é provável que Green vença a quarta luta apenas em 2020.

Confira o card completo do evento:


UFC Hall x Silva
31/10, em Las Vegas

CARD PRINCIPAL

Peso-médio: Uriah Hall x Anderson Silva
Peso-pena: Bryce Mitchell x Andre Fili
Peso-médio: Kevin Holland x Charlie Ontiveros
Peso-pesado: Maurice Greene x Greg Hardy
Peso-leve: Bobby Green x Thiago Moisés

CARD PRELIMINAR

Peso-leve: Chris Gruetzemacher x Alexander Hernandez
Peso-galo: Adrian Yanez x Victor Rodriguez
Peso-médio: Sean Strickland x Jack Marshman
Peso-meio-médio: Cole Williams x Jason Witt
Peso-meio-pesado: Dustin Jacoby x Justin Ledet
Peso-galo: Miles Johns x Kevin Natividad

O UFC Vegas 12 está programado para às 17h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo do Canal Combate.