Conteúdo

Épico! Em jogo histórico, Bucks vencem Nets na prorrogação, mesmo em mais uma noite de gala de Kevin Durant, e vão para as finais do Leste

20 de junho de 2021

(por Daniel Morales)

Em uma partidaça, o Milwaukee Bucks venceu o jogo 7 contra o Brooklyn Nets, no Barclays Center, na prorrogação, e se garantiu na final do Leste.

Saiba como foi o jogo

Com a bola em quadra, os Bucks começaram melhor. Mas, com muito foco e entrega, os Nets se recuperaram e tomaram a liderança da partida. Com um bom começo de Durant e Bruce Brown, os donos da casa mostraram desde os primeiros minutos do quarto inicial o porquê eram considerados os grandes favoritos ao titulo. Mas, do lado da franquia do Wisconsin, Giannis Antetokoumpo, PJ Tucker e Brook Lopez também estavam fazendo um bom inicio de partida, equilibrando o confronto. Apesar dos doze primeiros minutos terem sido bastante disputados, O Brooklyn Nets venceu o quarto por 25-28. 

Mesmo com James Harden não estando em uma grande noite, pelo menos na questão da pontuação, muito por ainda não estar 100% fisicamente, o barba conseguia fazer o papel de facilitador nas jogadas ofensivas, seja com assistências ou com cestas mais fáceis. Porém, para a sorte do Brooklyn Nets, Kevin Durant e Bruce Brown seguiam fazendo um jogo incrível, junto com Blake Griffin, que conseguia contribuir bastante na pontuação para o time de Nova Iorque. Apesar da vantagem sendo curta durante boa parte do primeiro tempo, o Milwaukee Bucks não vinha fazendo um grande jogo, longe disso. A equipe do técnico Mike Budenholzer errava muito no ataque e na defesa tinha muita dificuldade de parar KD, que seguia fazendo a vida de PJ Tucker, que o marcou durante toda serie, um inferno. Entretanto, mesmo virando chacota da torcida dos Nets, visto que quando ia cobrar lances livres os fãs do time da casa contavam o tempo que o grego demorava a cobrar, Antetokoumpo estava conseguindo manter os Bucks vivos na partida, sendo muito agressivo na área restrita, onde seu jogo flui melhor. Os times foram para o intervalo com o Brooklyn Nets vencendo por 53 a 47. 

Os Bucks conseguiram a reação logo nos primeiros minutos do terceiro período. Em três ataques, com direito uma bola de 3 pontos de PJ Tucker, livre na zona morta, os visitantes buscaram a virada com um ótimo inicio de segundo tempo, numa “run” de 7-0, que forçou Steve Nash a pedir um tempo. Mas, com uma sequência de bolas de 3 pontos, os Nets conseguiram retomar o equilíbrio da partida, porém, os Bucks seguiam na liderança. O jogo se mantinha muito disputado e com as grandes estrelas das equipes tendo atuações em grande nível. Os Nets conseguiram retomar a liderança do placar, graças a KD, que vinha fazendo mais uma partida fantástica, e pelo restante do time, que também estava tomando as melhores decisões no ataque e selecionando os melhores arremessos. Mas, quando parecia que a vantagem do Brooklyn Nets iria começar a crescer, já chegava a cinco pontos, Pat Connaughton acertou uma bela cesta tripla e, com um and one de Giannis Antetokounmpo, os Bucks retomaram a liderança no placar e foram para o quarto derradeiro com a vantagem de um ponto.

Os primeiros minutos do último período seguiram com a partida muito disputada, assim como foi durante todo o duelo. Nenhum dos dois times conseguia abrir vantagem, mantendo a diferença na pontuação muito pequena. Porém, com uma boa sequência ofensiva e Antetokounmpo juntamente com Khris Middleton aparecendo nos momentos decisivos, o Milwaukee Bucks foi para o minuto final com dois pontos de vantagem no marcador. Entretanto, nos segundos finais, com a faca e o queijo para por a vantagem em duas posses e sacramentar a classificação, o pivô Brook Lopez recebeu a bola e não soube o que fazer com ela, perdendo a posse da redonda laranja. 

Faltando seis segundos para acabar a partida, o Brooklyn Nets tinha um lateral para cobrar, Bruce Brown toca em Kevin Durant e ele, que já tinha chegado ao recorde maior pontuação em uma partida 7 de playoffs, tinha nas mãos a esperança de todo o Barclays Center. Mesmo marcado por PJ Tucker, que fez um ótimo trabalho em toda serie, conseguiu acertar um lindo chute de longa distancia e Bang! O ginásio foi abaixo era Kevin Durant mostrando por que é considerado um dos maiores de todos os tempos. Mas, por causa do bico do tênis de KD, que estava na linha, a cesta acabou sendo de dois pontos e não uma bola tripla. Com 109 x 109 no placar, a partida foi para a prorrogação. 

Tempo Extra

Para a prorrogação os Nets estavam aparentemente com o psicológico melhor para confirmar a classificação para as finais do Leste diante da sua torcida nos cinco minutos seguintes. E Brooklyn anotou os primeiros dois pontos do tempo extra com Bruce Brown, após pegar um rebote. O cenário, que já era muito favorável, melhorou ainda mais após PJ Tucker ter sido ejetado depois de cometer uma falta fora do lance em Blake Griffin. Os Nets estavam muito próximos de chegar às finais da Conferência Leste, porém, a dupla do Milwaukee Bucks resolveu decidir a partida para os visitantes. Antetokoumpo empatou o jogo e Middleton recolocou o time de Wisconsin na liderança. A situação dos Bucks já tinha melhorado um pouco antes, devido a Blake Griffin ter cometido a sexta falta, também sendo ejetado do jogo, segundos depois de Tucker. 

O cenário do final do quarto período retornou e Kevin Durant mais uma vez tinha a bola para igualar tudo e colocar os Nets da frente. Mas, como diz Galvão Bueno, craque também erra, e que erro! Desesperado por uma bola tripla KD faz um chute muito curto e a bola nem chega a bater no aro. Airball. Após iss,o o Barclays Center ficou em silêncio e os torcedores desacreditados no que estavam vendo. Com 0,3 no relógio só foi preciso os Bucks cobrarem um lateral para o tempo estourar e a partida ser encerrada.
 

Final: Milwaukee Bucks 115 x 111 Brooklyn Nets
 

Que jogo! Épico, histórico, uma partida para fazer qualquer fã de basquete se emocionar e se apaixonar cada vez mais por esse esporte. Um jogo que iremos lembrar por muito tempo por tudo o que ele significou. Um timaço cheio de estrelas e com Kevin Durant fazendo o chover em quadra, tendo atuações magnificas na serie. E de outro lado uma equipe que tem suas estrelas, porém, possui mais limitações, e mesmo assim não deixou o adversário abrir uma grande vantagem em nenhum momento. 

Giannis Antetokoumpo mesmo criticado, questionado e sendo infernizado pela torcida do Brooklyn Nets, mostrou o porque foi eleito por dois anos consecutivos MVP. Parabéns ao Milwaukee Bucks e todos os seus fãs. Agora Giannis e companhia esperam de “camarote” a decisão do jogo 7 entre Philadelphia 76ers e Atlanta Hawks, neste domingo (20).  

Destaques

Nets: Kevin Durant (48pts, 9reb e 6ast) e James Harden (22pts, 9reb e 9ast)

Bucks: Giannis Antetokounmpo (40pts, 13reb 5ast) e Khris Middleton (23pts, 10reb e 6ast).