Conteúdo

Em reencontro com Zach Parise, Wild marca quatro vezes no terceiro período e atropela Islanders

8 de novembro de 2021

(por Diego Dias)

Anders Lee anotou os dois gols do New York Islanders, mas o Minnesota Wild se recuperou no último período do jogo e definiu o resultado com quatro gols marcados quase que seguidamente. Foi o reencontro da equipe de St Paul com Zach Parise, que, além de ser nativo do estado de Minnesota, disputou nove temporadas pelo Wild antes de assinar com os Isles na última offseason. O veterano forward foi homenageado com um vídeo-tributo no telão do XCel Energy Center antes do puck ser dropado.

No primeiro período o jogo esteve bastante corrido, com os goleiros Semyon Varlamov (titular pela primeira vez na temporada e recuperado de lesão) e Kaapo Kahkonen sendo exigidos. Mas quando parecia que o período terminaria sem gols, Zdeno Chara disparou e Lee com um leve desvio tirou o disco do alcance de Kahkonen no rebote e abriu o placar para os Islanders a 19 segundos do fim.

Em desvantagem, a equipe da casa levou maior perigo no período seguinte, apesar das boas respostas dos visitantes de Long Island, bem postados na defesa e perigosos no ataque. Até que o novato Brandon Duhaime pegou um puck perdido e chutou do círculo direito, que acabou desviado por Nick Bjugstad e deixou 1x1 no placar, fazendo certa justiça à partida. Não por muito tempo, já que minutos depois os Isles puxaram rápida transição e Lee ficou de frente pro gol para completar para as redinhas e devolvendo a vantagem aos nova-iorquinos.

O jogo mudou nos vinte minutos finais em meio à forte pressão de Minnesota em busca da reação. Varlamov mostrou estar em boa forma e manteve o placar intacto antes de ver o disco desferido por Ryan Hartman passar por baixo de sua luva e novamente empatar o duelo. O gol desnorteou os Isles, que viram Duhaime mandar um foguete de longe para virar o jogo para o Wild, que passou a controlar o jogo. Nova York ainda tentou uma última cartada sacando Varlamov e colocando um patinador extra, mas com o gol vazio o Wild pôde decretar o resultado com Jonas Brodin e Matt Dumba.

Final: New York Islanders 2 @ 5 Minnesota Wild

Minnesota agora vai ao Arizona encarar os lanternas Coyotes na quarta-feira (8). Na noite seguinte, Nova York atravessa o rio Hudson para duelar com o New Jersey Devils.

Os "breakaways" do domingo:

Brandon Saad colocou o St Louis Blues na frente logo aos 13 segundos de jogo, mas o Anaheim Ducks aproveitou melhor as oportunidades e conseguiu a virada com Troy Terry pontuando pelo 11º jogo seguido ao marcar em power play o tento que iniciou a virada dos californianos, que alcançaram a terceira vitória consecutiva;

Na estreia de Derrick King no comando do Chicago Blackhawks após a demissão do técnico Jeremy Colliton, a equipe contou com o gol de Alex DeBrincat logo no começo da prorrogação e voltou a vencer depois de dois jogos.

Outros resultados:

St Louis Blues 1 @ 4 Anaheim Ducks
Nashville Predators 1 @ 2 Chicago Blackhawks (OT)
Vegas Golden Knights 2 @ 5 Detroit Red Wings
Dallas Stars 3 @ 6 Vancouver Canucks