Conteúdo

Em noite histórica para a transmissão esportiva brasileira, Milwaukee Bucks segura reação e impõe segunda derrota seguida aos Celtics

25 de março de 2021

(por Sérgio Viana)
 

O dia 24/03 ficará marcado na história da transmissão esportiva no Brasil, com a ESPN fazendo a transmissão ao vivo de um jogo de temporada regular da NBA, com duas mulheres no comando: Natália Lara na narração e Alana Ambrósio nos comentários. A emissora, que já conta com mulheres atuando em vários frentes do jornalismo, se torna a pioneira nesse tema. Fato extremamente relevante e que não poderia passar batido para nós que cobrimos o esporte da bola laranja.

Em quadra, na véspera da trade deadline, o time de Boston parecia que não teria muito o que comemorar, já que não ofereceram a menor resistência diante de um Bucks que impôs seu jogo desde o início e comandou com folga os três primeiros quartos.

Com Middleton pegando fogo, anotando 27 pontos e 13 rebotes, e Bobby portis vindo do banco com 21 pontos e 7-10 em arremessos, os Bucks pareciam que teriam vida fácil para fechar a partida que chegaram a abrir 25 pontos de vantagem em determinado momento do jogo.

Mas, com pouco mais de 4 minutos para o final da partida, Milwaukee entrou em parafuso e os Celtics acertaram a mão, para cortar a diferença para 3 pontos faltando 2 minutos, 19 a 116.

Aí foram quase dois minutos de horror, com os times pedindo para perder a partida e um final de jogo com a bola na mão do time da casa, com o placar 119 x 121 contra, e 1 segundo no relógio.

Com Tatum, Brown e Walker em quadra a bola vai parar na mão de Theis no "corner Tucker" para "se consagrar"...E ele Errrrooooouuuuuuu!

Imperdoável com esses chutadores em quadra a bola ir parar na mão de Daniel Theis, bola muito fora de Brad Stevens.

 

Final: Milwaukee Bucks 121 x 119 Boston Celtics

 

Jaylen Brown com 24 pontos, 10 rebotes e 10-16 em arremessos e Kemba Walker com 23 pontos e 5-9 em bolas de 3 foram os destaques do time celta.

Boston sofre sua sexta derrota em 10 jogos e tem a luz amarela mais que acesa para os objetivos da temporada.

O time que tinha tudo para ser um contender não consegue se impor, não tem o mesmo poderio defensivo de temporadas anteriores e ainda precisa encaixar o volume de jogo de Walker com Tatum e Brown. Thompson e Thies não são a dupla para proteger o garrafão e se Danny Ainge não mudar de comportamento para fazer uma troca de impacto, pode esquecer essa temporada.

Pelo lado dos Bucks, o time precisa definitivamente aprender a fechar seus jogos. O time entrou no último período vencendo por 14 pontos, para quem vive com o fantasma do quase rondando Wisconsin, Mike Budenholzer precisa encontrar essa resposta. O time tem melhores opções para a rotação e tem que guardar Giannis para fechar os jogos.

Os dois times se enfrentarão novamente nesta sexta (26), desta vez em Milwaukee.