Conteúdo

Em jogo insano, Leicester City goleia Manchester United e tira a invencibilidade do adversário fora de casa

16 de outubro de 2021

(por Rafael Lima)
 

A Premier League está de volta depois da data FIFA e talvez o jogo que mais chama atenção na rodada é esse do Leicester contra o Manchester United. Os Red Devils vinham de uma invencibilidade de 29 jogos fora de casa, enquanto os anfitriões queriam esquecer os altos e baixos para se candidatarem à briga pelas primeiras posições. 

Se o duelo prometia muito, a promessa foi paga com juros e correção, pois foi um jogaço dos mais emocionantes. 

O Leicester City começou com uma postura mais agressiva tentando ocupar o campo de ataque. Mesmo sem conseguir situações de finalizações frontais e claras, os anfitriões chegaram primeiro, aos 8’, com chute de Maddison para fácil defesa de De Gea. 

Enquanto isso, o Manchester United passou a avançar mais, ainda tímido. Mas, quase aos 13 minutos, Greenwood fez a primeira finalização dos Red Devils num chute de fora da área para a boa defesa de Schmeichel. 

Os visitantes estavam se abrindo mais para o jogo e, após passe de Bruno Fernandes, Greenwood avançou e colocou uma bomba de perna esquerda no ângulo, indefensável, um golaço desse garoto que cresce a cada partida. 1 a 0 para o Manchester.

O Leicester não conseguia impor uma pressão, mas tentava chegar. Aos 26 minutos, depois de uma difícil tentativa de troca de passes, Ricardo Pereira cruzou e a bola acabou assustando De Gea. Mas, o Manchester respondeu rapidamente e Cristiano Ronaldo obrigou Schmeichel a fazer uma difícil defesa, após uma trama pela esquerda.

A partida era lá e cá. Aos 30 minutos um vacilo incrível de McGuire unido à perspicácia de Iheanacho, acabou gerando o empate. O atacante tocou para trás e Tielemans presenteou a torcida e os fãs de futebol com um golaço por cobertura. Tudo igual no King Power Stadium. 

Depois do gol o duelo ficou mais truncado, sem chances claras para nenhum dos lados e assim terminou a primeira etapa.

O segundo tempo iniciou muito equilibrado, ninguém se sobressaía. Nos primeiros 15 minutos ambos chegaram ao ataque sem conseguir criar chances claras. A marcação dos dois lados era muito firme. A primeira chance perigosa da etapa complementar veio após um cruzamento da direita de Bruno Fernandes que gerou uma confusão na pequena área do Leicester. Greenwood bateu com dificuldade e perdeu a oportunidade.

Aos 30 minutos um oportunidade incrível. Tielemans, o craque do Leicester City, aproveitando erro na saída de bola adversária e bateu de fora da área para grande defesa de De Gea. A bola ainda bateu na trave. Na sequência, contra-ataque fulminante do Manchester United, Pogba encontrou Cristiano Ronaldo na cara do gol, obrigando Schmeichel a fazer a defesa. Mas ele estava impedido. 

O duelo era lá e cá. Em alta velocidade Daka partiu pela direita, bateu rasteiro e De Gea fez outra boa intervenção, colocando para escanteio. A batida pela direita encontrou Daka no centro da área, que finalizou para ótima defesa de De Gea, porém, a bola bateu em Pérez e sobrou limpa para Soyuncu colocar na rede. Era a virada do Leicester. 

O time da casa se empolgou e foi para cima. Ricardo Pereira teve chance de ampliar e bateu por cima. Aproveitando a pressão do Leicester, o Manchester United descolou um lançamento da defesa com Lindelof e pegou Rashford em velocidade, aparecendo na cara do gol para empatar três minutos depois.

Se passou um minuto de comemoração dos Red Devils e ela acabou. Na saída de bola Wan-Bissaka não conseguiu cortar definitivamente a bola com Castagne e ela sobrou para Ayoze Pérez, que encontrou Vardy  na área. O artilheiro bateu firme e decretou o terceiro do Leicester para explodir o King Power. Que jogaço!

Os visitantes adiantaram as linhas e tentavam abafar no final da partida. Só que davam espaço para contra-ataque. Em falta da esquerda, Tielemans bateu, a bola passou por toda a área e sobrou para Daka do lado da trave fazer o gol. Virou goleada!

O Leicester City tira a invencibilidade de 29 jogos do Manchester United com uma vitória maiúscula.
 

Final: Leicester City 4x2 Manchester United 


 

Com a derrota o Manchester, que poderia encostar nos líderes, ficou na quinta colocação, podendo cair até para o oitavo lugar. Enquanto isso, o Leicester, ainda lá atras (11º momentaneamente), ganha moral para escalar a tabela.