Conteúdo

Em jogo épico, Real Madrid perde no tempo normal, mas Benzema decide na prorrogação e espanhóis avançam para as semifinais da Champions

12 de abril de 2022

(por Daniel Morales)

No Santiago Bernabeu, o Real Madrid recebeu o Chelsea para o segundo jogo das quartas de final da UEFA Champions League. Os ingleses fizeram um grande jogo e chegaram a estar vencendo por 3 a 0, mas com gols de Rodrygo, e Benzema na prorrogação, o Real Madrid se classificou para as semifinais da Liga dos Campeões. A décima semifinal do Madrid nos últimos doze anos.

O Jogo:

A partida começou bastante movimentada em Madrid. Precisando de dois gols no mínimo para levar o confronto para prorrogação, o Chelsea tentou ir com tudo pra cima, por outro lado o Real Madrid estava bastante tranquilo, e conseguia controlar as ações da partida nos minutos inicias. O caldo do time de Ancelotti começou a entornar quando aos 15’, Timo Werner acionou Mason Mount na entrada da área, a defesa merengue não acompanhou e o camisa 19 anotou o primeiro dos blues na partida. Um a zero Chelsea. 

A partir daí foram os visitantes que passaram a atacar mais e controlar a peleja. O Chelsea ficava mais com a bola e criava as principais chances de gol, aproveitando que “los blancos” marcavam mal e deixavam muitos espaços na defesa. Com o time de Thomas Tuchel melhor no jogo, o primeiro tempo acabou em 1 a 0 para os visitantes.

Para o segundo tempo o jogo seguiu na mesma linha, com o Chelsea mais próximo do segundo gol do que o Real Madrid do empate, e o segundo tento dos londrinos veio. 

Aos 50’, após cobrança de escanteio, Rudiger subiu mais alto que todo mundo e de cabeça fez o segundo do Chelsea. Dois a zero e o confronto estava indo para prorrogação. O Real Madrid melhorou um pouco após levar o segundo gol. Três minutos depois Benzema finalizou, mas Thiago Silva travou, e em cobrança de falta Toni Kroos obrigou Mendy a fazer uma grande defesa. 

Aos 60’ Carvajal encontrou Valverde, que de primeira, de fora da área, chutou e a redonda passou perto do gol de Mendy. Na sequência o Chelsea chegou ao terceiro gol. Kanté roubou a bola de Mendy e acionou Marcos Alonso que invadiu a área e fez um lindo gol, mas antes do chute, a redonda pegou na mão do lateral do Chelsea. Ao tentar fazer o cruzamento a pelota bateu em Carvajal e voltou em Alonso batendo e sua mão. O juiz consultou o VAR e o gol foi anulado. 

No lance seguinte por pouco o Madrid não chegou ao seu primeiro gol. Cruzamento para área e Benzema cabeceou, mas a bola foi no travessão de Mendy e saiu. O Chelsea finalmente chegou ao terceiro gol, e dessa vez valeu. Timo Werner entrou na grande área, driblou Alaba, driblou Casemiro e tocou para o gol, anotando um gol de placa! Três a zero Chelsea, resultado que estava classificando o time inglês. 

Depois de levar o terceiro gol, Carlo Ancelotti fez duas mudanças. Marcelo e Rodrygo entraram nos lugares de Mendy e Casemiro respectivamente. Apesar disso, o Chelsea quase chegou ao quarto gol. Após escanteio do lado esquerdo, Kai Havertz cabeceou, mas Courtois fez uma grande defesa salvando o Madrid. 

Aos 79’ o gol do Real Madrid. Luka Modric fez um lançamento de três dedos da esquerda e encontrou Rodrygo na área. O ex-Santos finalizou de primeira e marcou o gol que recolocou o Madrid na briga. Três a um para o Chelsea. Esse resultado levava o jogo para a prorrogação. O Chelsea ainda teve duas chances de evitar o tempo extra, mas nas duas ocasiões Pulisic perdeu o gol.

Prorrogação:

Na prorrogação o Real Madrid marcou o gol da classificação logo no inicio. Aos 95’, Vinicius Jr, que foi mal durante toda a peleja, invadiu a área e cruzou para ele:Karim Benzema. O francês, de cabeça, anotou o segundo o gol do Real Madrid para levar o Santiago Bernabeu ir à loucura! Três a dois para o Chelsea, mas quem estava se classificando era o Madrid. 

Antes de acabar o primeiro tempo da prorrogação o Real Madrid quase empatou. Benzema roubou a bola de Kovacic e tocou para Camavinga que chutou, mas a bola passou por cima do gol de Mendy.

No segundo tempo da prorrogação o Chelsea tentou tudo para buscar pelo menos um gol que levaria o jogo para os pênaltis. Ziyech teve a primeira grande chance do quarto gol. O marroquino recebeu livre no lado esquerdo, chutou, Courtois fez uma linda defesa mandando para escanteio. Três minutos depois, Rudiger foi lançado na área, ajeitou a bola de cabeça, mas antes de Jorginho finalizar Valverde afastou. Pressão do Chelsea! Reece James cruzou e Havertz cabeceou, mas a bola foi para fora. E na última grande chance dos blues, Jorginho recebeu a bola após chute mascado de Ziyech, porém o camisa oito finalizou mal e a redonda foi para fora. Fim de jogo! 

O Real Madrid ressuscitou na partida que jogou muito mal durante 60 minutos, mas o time Carlo Ancelotti teve frieza e resiliência para se recuperar e buscar a classificação.

Final: Real Madrid 2 (5)x (4) 3 Chelsea